site da FAPESP
URL curto

Bolsas

Refinar resultados
Área do conhecimento
Bolsas
Programas voltados a Temas Específicos
Programas de Pesquisa direcionados a Aplicações
Programas de Infraestrutura de Pesquisa
Instituição
Situação

Bolsas no Exterior

Apoio FAPESP em números
916Bolsas no exterior em andamento 
8.715Bolsas no exterior concluídas 
9.631 Todas as Bolsas

Processos vinculados ( V )
2Auxílios à pesquisa concluídos ( V )
*Quantidades atualizadas em 25/03/2017

Por meio das Bolsas de Pesquisa no Exterior (BPE), a FAPESP financia pesquisadores associados a instituições de ensino superior ou de pesquisa no Estado de São Paulo, para estadias de um mês a um ano em instituições de pesquisa bem qualificadas no Exterior.

As bolsas no Exterior são concedidas nas seguintes modalidades:

Bolsas no exterior em andamento (mais recentes)

Ver todas as Bolsas no exterior em andamento

Bolsas no exterior concluídas (mais recentes)

  • Os amuletos funerários do Antigo Egito: uma abordagem tipológica para seus significados e funções, BE.EP.IC

    Os amuletos funerários do Antigo Egito: uma ab...

    A presente proposta de estágio de pesquisa no exterior a ser realizado na École Pratique desHautes Études (EPHE) sob a supervisão da Profa. Dra. Christiane ZIVIE-COCHE tem comoobjetivo desenvolver uma parte essencial do projeto de Iniciação Científica desenvolvido noMAE-USP, isto é, compreender as possíveis funções, usos e significados dos amuletosfunerários do Egito Antigo. As ativida...

  • De rebelde a ícone: FIDEL Castro pelo povo e pela imprensa cubana, BE.EP.IC

    De rebelde a ícone: FIDEL Castro pelo povo e p...

    O presente projeto, o qual objetiva o estágio de pesquisa na cidade de Havana, tem por finalidade a obtenção de informações cruciais relativas ao projeto de pesquisa principal que, por razões de distintas naturezas, por vezes se apresentam ocultas ou fragmentadas em nossa fonte. Além disso, através do estágio de pesquisa em Cuba, busca-se obter resultados que ampliem as possibilidades ...

  • Análise filogeográfica do complexo Pionus maximiliani (Kuhl, 1820): testando a continuidade genética entre as populações da diagonal árida e da Mata Atlântica, BE.EP.MS

    Análise filogeográfica do complexo Pionus maxi...

    Pionus maximiliani é uma espécie de psitacídeo amplamente distribuída, ocorrendo desde o nordeste do Brasil até o norte da Argentina. O complexo P maximiliani atualmente compreende quatro subespécies: Pionus maximiliani maximiliani, P. m. siy, P. m. melanoblepharus e P. m. lacerus. De acordo com a literatura, a forma nominal ocorre na Caatinga, siy e lacerus habitam o Chaco enquanto me...

Ver todas as Bolsas no exterior concluídas

Auxílios à pesquisa concluídos ( V ) (mais recentes)

  • Propriedades antitumorais da 1,5-bis(4-hidroxi-3-methoxi-fenil) penta-1,4-dien-3-ona e seus derivados, AP.PAPI

    Propriedades antitumorais da 1,5-bis(4-hidroxi...

    Foram realizados testes de atividade antitumoral em cultura de células tumorais humanas (pulmão, melanoma, mama normal e mama resistente a múltiplas drogas) com a 1,5-Bis(4-hidroxi-3-methoxi-fenil)-penta-1,4-dien-3-ona. Este composto apresentou atividade citocida a partir da concentração de 0,25 ppm exceto para mama resistente que teve seu crescimento inibido, sendo este resultado exc...

  • Processo de identificação de tipagens da própolis brasileira, AP.PAPI

    Processo de identificação de tipagens da própo...

    A presente inveção trata de um processo química de separação dos mais diferentes tipos de substâncias presentes na própolis brasileira, empregando as técnicas de cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) e cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massas (CG-EM). Através destas duas técnicas, única e exclusivamente estas, é possível identificar e quantificar com precisão,...

Linha de fomento

Bolsas: Acumulado dos anos

Selecione o ano

Mostrar os anos em sequência

Série histórica -
Mostrar processos vinculados