Pesquisa avançada

Avaliação de extratos foliares de Laguncularia racemosa sobre atividade enzimática e farmacológica de fosfolipases A2 cataliticamente ativas de venenos

Processo: 13/12077-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2013 - 29 de fevereiro de 2016
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Daniela de Oliveira Toyama
Beneficiário:
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB-CLP). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental do Litoral Paulista. São Vicente, SP, Brasil
Assunto(s):Farmacologia  Desenvolvimento de fármacos  Extratos vegetais  Substâncias bioativas  Fosfolipases A2 secretórias  Venenos de serpentes 

Resumo

O potencial terapêutico de muitas espécies vegetais é atribuído a compostos biologicamente ativos, como flavonóides, alcalóides e terpenos, que vêm sendo apresentados como promissores para o desenvolvimento de novos fármacos. Espécies vegetais típicas do manguezal apresentam em sua composição química diferentes metabólitos especiais, como polifenóis, terpenóides, polissacarídeos e outros compostos em menor concentração, tendo sido comprovadas algumas ações farmacologicamente importantes por parte dos mesmos, como atividades anti-inflamatória, antioxidante, antitumoral, antifúngica e antibacteriana. Contudo, apesar do potencial biológico dessas espécies, há poucos estudos significativos que demonstrem a efetiva aplicação das mesmas como alternativas para a prospecção de bioativos. No Brasil, particularmente, no estado de São Paulo, mangue são plantas encontradas num bioma de grande importância e as investigações para a descoberta de novos medicamentos são cruciais para reforçar o valor econômico das plantas para a sua preservação. Assim, o presente projeto tem como objetivo avaliar os efeitos de extratos foliares de Laguncularia racemosa, sobre a atividade enzimática das enzimas Fosfolipase A2 secretórias (sPLA2) isoladas do veneno total de Crotalus durissus terrificus. Além disso, avaliar o efeito destes compostos sobre atividades farmacológicas induzidas por sPLA2 purificadas dos venenos de Crotalus durissus terrificus e de Bothrops jararacussu. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TOYAMA, DANIELA DE OLIVEIRA; GAETA, HENRIQUE HESSEL; TERASHIMA DE PINHO, MARCUS VINICIUS; PENA FERREIRA, MARCELO JOSE; ROMOFF, PAULETE; MATIOLI, FABIO FILIPPI; MAGRO, ANGELO JOSE; DE MATTOS FONTES, MARCOS ROBERTO; TOYAMA, MARCOS HIKARI. An Evaluation of 3-Rhamnosylquercetin, a Glycosylated Form of Quercetin, against the Myotoxic and Edematogenic Effects of sPLA(2) from Crotalus durissus terrificus. BIOMED RESEARCH INTERNATIONAL, 2014. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.