Busca avançada
Ano de início
Entree

Explorando novas técnicas ópticas de diagnóstico do câncer de pele

Processo: 15/25908-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 01 de fevereiro de 2016 - 25 de março de 2016
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica - Engenharia Médica
Pesquisador responsável:Vanderlei Salvador Bagnato
Beneficiário:Vanderlei Salvador Bagnato
Pesquisador visitante: Janis Spigulis
Inst. do pesquisador visitante: University of Latvia, Letônia
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07276-1 - CEPOF - Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica, AP.CEPID
Assunto(s):Neoplasias cutâneas  Diagnóstico clínico  Intercâmbio de pesquisadores  Cooperação internacional 

Resumo

A instituição de acolhimento do visitante desta proposta é o Laboratório de Biofotônica, Grupo de Óptica, Instituto de Física de São Carlos da Universidade de São Paulo, parte integrante do CePID - CePOF (Centro de Pesquisa em Óptica e Fotônica). O grupo tem trabalho com TFD (terapia fotodinâmica) e diagnóstico óptico para câncer e outras doenças infecciosas. As principais áreas de pesquisa são: imagens microscópicas e macroscópicas de fluorescência, espectroscopia de fluorescência, microscopia multifotônica; TFD em câncer de pele não-melanoma e colo de útero, e em doenças infeciosas; entre outros. O desenvolvimento de dispositivos ópticos e sua avaliação em estudos com animais e clínicos são outro ponto forte no nosso grupo. O grupo também conta com várias colaborações com instituições de pesquisa clínica, permitindo um rápido diálogo entre a pesquisa básica e a aplicação final das tecnologias desenvolvidas. No nosso Grupo de pesquisa, temos hoje cerca de 8 pesquisadores que trabalham em Biofotônica. Eles são líderes nacionais e mundiais em suas especialidades. Estão entre os corpos editoriais de importantes revistas na área. São associadas a estes pesquisadores a introdução e desenvolvimento da TFD no Brasil, as modernas técnicas terapêuticas, técnicas fotônicas aplicadas a estética, foto-processamento de materiais dentários com fontes a base de LEDs e técnicas de diagnóstico envolvendo fluorescência óptica por análise espectral e por imagem. As atividades que temos realizado tem permitido que façamos uma translação importante da ciência básica para os aspectos clínicos. A visita do Prof. Janis Spigulis (Univ. of Latvia) contribuirá muito para um maior enriquecimento dessas atividades. Sua experiência em espectroscopia atômica, optoeletrônica, fibra óptica e biofotônica. Em biofotônica, ele atuou no desenvolvimento de novos métodos ópticos e dispositivos para diagnóstico e monitoramento da condição de saúde humana de forma não-invasiva. As técnicas desenvolvidas em seus estudos também já foram avaliadas em estudos clínicos. Dentre os inúmeros estudos podemos destacar os mais recentes: Mapeamento de cromóforos da pele por meio de análise de imagens multiespectrais utilizando smartphones; Detecção de melanoma de pele através da correlação paramétrica entre cromóforos; Desenvolvimento de sistemas portáteis de espectroscopia de fluorescência resolvida no tempo para análise de cromóforos da pele. Através dessa experiência comprovada o Prof. Janis Spigulis contribuirá especialmente com o desenvolvimento dos seguintes projetos de pesquisa: Espectroscopia de fluorescência para diagnóstico de lesões de pele clinicamente semelhantes; Espectroscopia de fluorescência resolvida no tempo para estudos in vivo; Espectroscopia de fluorescência em dentes de ratas ovariectomizadas para o diagnóstico da osteoporose; Aperfeiçoamento e caracterização óptica de um microendoscópio de fluorescência adaptado a smartphone; Sistema FLIM compacto, multi-espectral e de alta velocidade para imagens in vivo; Detecção de infravermelho para diagnóstico de tumores não profundos; Transporte de fotossensibilizadores em células modelo por meio de microscopia confocal. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.