Busca avançada
Ano de início
Entree

Mapeamento de assinaturas de seleção no genoma das principais espécies domésticas da tribo Bovini exploradas na pecuária, os bovinos (Bos taurus) e os bubalinos (Bubalus bubalis)

Processo: 16/22490-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2017
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Humberto Tonhati
Beneficiário:Diercles Francisco Cardoso
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal, SP, Brasil
Assunto(s):Desequilíbrio de ligação   Gado Nelore

Resumo

A seleção positiva tende a aumentar a frequência de alelos favoráveis, promovendo padrões genômicos diferenciados nas proximidades destes alelos, denominados assinaturas de seleção. A domesticação, a formação de raças e os esquemas de seleção artificial, são capazes de promover a seleção positiva e assinaturas de seleção. A identificação destas regiões tem despertado interesse da genética de populações, para decifrar as bases genéticas da diversidade fenotípica em espécies/raças, e para elucidar papel funcional de regiões genômicas e genes. Neste projeto propõem-se duas linhas paralelas de estudos, com o objetivo comum de identificação de assinaturas de seleção, sendo uma delas voltada a bovinos de corte e outra voltada a bubalinos leiteiros. Os objetivos deste projeto resumem-se a: (1) Estudar assinaturas de seleção na raça Nelore, utilizando uma população maior que as utilizadas em estudos prévios; (2) Comparar bovinos Angus e Nelore, quanto ao desequilíbrio de ligação; (3) Aplicar um método composto de identificação de assinaturas de seleção nas raças Angus e Nelore; (4) Analisar os níveis genômicos de endogamia em bubalinos; e (5) realizar os primeiros estudos sobre assinaturas de seleção na espécie bubalina. Para tanto serão utilizados aproximadamente 4000 bovinos Nelore genotipados com o painel BovineHD - 700K (Illumina), 700 bovinos Angus genotipados com o painel GGP-HD - 150K (Neogen) e 384 bubalinos da raça Murrah genotipados com o Painel Axion Buffalo - 90K (Affymetrix). A estatística iHS ("integrated Haplotype Score") será utilizada para busca por assinaturas de seleção na população Nelore (1) e em bubalinos (5). As comparações entre o desequilíbrio de ligação em Angus e Nelore (2) será realizada através da análise do decaimento do desequilíbrio e fase de ligação nas duas raças, além de comparações regionais nos padrões de desequilíbrio. O método composto de identificação de assinaturas de seleção aplicado nas populações Angus e Nelore (3) será a estatística DCMS, que combina resultados de métodos individuais de assinaturas de seleção. A endogamia genômica e a busca por regiões genômicas de baixa diversidade em bubalinos (4) contará com a estatística ROH. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Identificadas regiões genômicas que podem permitir aumento na produção de carne 
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.