Busca avançada

Papel dos resíduos positivamente carregados nas funções farmacológicas de PLA2s de serpentes e sinovial humana

Processo: 01/00279-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2001
Vigência (Término): 31 de março de 2004
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica
Pesquisador responsável:Richard John Ward
Beneficiário:
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil

Resumo

As fosfolipases A2 (EC 3.1.1.4; PLA2) são enzimas que catalisam a hidrólise das pontes ácido-éster na posição sn-2 dos fosfolipídeos e, liberam como produtos da catálise ácido graxo e lisofosfolipídeos. Muitas PLA2s do veneno de serpentes apresentam propriedades farmacológicas que não dependem da atividade catalítica para serem manifestadas, como as variantes do grupo II, PLA2 Lys49. Muitas extrapolações foram feitas com a utilização de peptídeos sintéticos das regiões protéicas com o objetivo de identificar "clusters" responsáveis pelas funções farmacológicas. Por mapeamento de superfície pretendemos analisar as seqüências de outros grupos de PLA2 com o objetivo de identificar resíduos que possam ser os determinantes estruturais das atividades farmacológicas de PLA2 e através de mutagênese, expressão e redobramento de BthTX-I recombinante, avaliarmos o efeito das mutações sobre suas funções. O fato da PLA2 sinovial humana possuir um grande número de resíduos carregados positivamente, tanto quanto as variantes sem atividade hidrolítica, levou-nos a supor uma provável importância destas cargas nos processos inflamatórios. Através de mutagênese, os "clusters" de resíduos identificados na análise computacional serão estudados para avaliarmos a relevância ou não destes resíduos nos efeitos farmacológicos desta proteína. (AU)

Publicações científicas (6)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CHIOATO, LUCIMARA; ARAGAO, ELISANGELA APARECIDA; FERREIRA, TATIANA LOPES; WARD, RICHARD J. Active site mutants of human secreted Group IIA Phospholipase A(2) lacking hydrolytic activity retain their bactericidal effect. Biochimie, v. 94, n. 1, p. 132-136, JAN 2012. Citações Web of Science: 4.
ARAGAO, E. A.; CHIOATO, L.; FERREIRA, T. L.; MEDEIROS, A. I. DE; SECATTO, A.; FACCIOLI, L. H.; WARD, R. J. Suramin inhibits macrophage activation by human group IIA phospholipase A(2), but does not affect bactericidal activity of the enzyme. Inflammation Research, v. 58, n. 4, p. 210-217, APR 2009. Citações Web of Science: 2.
FERREIRA, TATIANA LOPES; RULLER, ROBERTO; CHIOATO, LUCIMARA; WARD, RICHARD J. Insights on calcium-independent phospholipid membrane damage by Lys49-PLA(2) using tryptophan scanning mutagenesis of bothropstoxin-I from Bothrops jararacussu. Biochimie, v. 90, n. 9, p. 1397-1406, SEP 2008. Citações Web of Science: 11.
APARECIDA ARAGÃO‚ E.; CHIOATO‚ L.; WARD‚ R.J. Permeabilization of E. coli K12 inner and outer membranes by bothropstoxin-I‚ A LYS49 phospholipase A2 from Bothrops jararacussu. Toxicon, v. 51, n. 4, p. 538-546, 2008.
DEGRÈVE‚ L.; CARLOS BORIN‚ A.; MAZZÉ‚ F.M.; RODRIGUES‚ A.L.G. Molecular simulation of a phase separation in a non-primitive electrolyte solution. Chemical Physics, v. 265, n. 2, p. 193-205, 2001.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.