Busca avançada
X

Criar um alerta por e-mail


Novos resultados para a sua pesquisa em seu e-mail, semanalmente.

Seu e-mail:

Tamanho do e-mail:



Seu endereço de e-mail não será divulgado.
Refine sua pesquisa
Pesquisa
  • Uma ou mais palavras adicionais
Publicações científicas
Publicações acadêmicas
  • Bolsas
  • Programas voltados a Temas Específicos
  • Programas de Pesquisa direcionados a Aplicações
  • Programas de Percepção Pública da Ciência
  • Programas de Infraestrutura de Pesquisa
  • Área do conhecimento
  • Situação
  • Ano de início
Excel (CSV)Alerta por e-mail   RSS
123.682 resultado(s)
|
Resumo

O protozoário ciliado Ichthyophthirius multifiliis é um parasita obrigatório causador da "doença dos pontos brancos" ou "ictioftiríase" em praticamente qualquer espécie de peixe de água doce, sendo responsável por importantes perdas para a indústria de pescados tanto nacional como mundial. O lambari (Astyanax altiparanae) é um caraciforme de pequeno porte que ocorre em rios da região neotropical da América do Sul. Vem ganhando grande destaque na aquicultura nacional principalmente pelo seu potencial para utilização como petisco, alimento enlatado e isca para pesca, além de ser muito utilizado como modelo em pesquisas, uma vez que possui fácil reprodução, possui rápida maturação sexual e apresenta altas taxas de crescimento. Porém, todo esse potencial esbarra na falta de alternativas para o tratamento de doenças que o acometem, especialmente a ictiofitiríase. Atualmente não existem tratamentos eficientes para o controle desse parasita em produções de larga escala, o que torna o desenvolvimento de estratégias preventivas extremamente necessário. Dessa forma, o objetivo do presente projeto é desenvolver e avaliar a eficiência da imunização de A. altiparanae com o antígeno de imobilização IAG52A de I. multifiliis, em conjunto com a citocina IL-8 de lambaris como adjuvante molecular na forma de vacinas de DNA. Na primeira etapa deste projeto, todos os genes necessários serão caracterizados por sequenciamento e posteriormente essas sequências serão utilizadas na produção das vacinas gênicas. Nos peixes imunizados, será realizada a análise de expressão dos genes exógenos na musculatura do local de injeção, a quantificação de anticorpos IgM no sangue, além da expressão das citocinas inflamatórias TNF, INF, IL-1, IL-8 e IL-10 no baço e rim anterior. Posteriormente esses peixes serão desafiados com uma dose letal de terontes de I. multifiliis a fim de se avaliar os efeitos protetores das vacinas por análises de mortalidade e morbidade. (AU)

Resumo

As leishmanioses, causadas por mais de 20 espécies diferentes de protozoários do gêneroLeishmania, são reconhecidas como um grave problema de saúde pública no Brasil e nomundo. A limitada disponibilidade de fármacos para o tratamento, somado à diversidade deefeitos colaterais e o emergente surgimento de cepas resistentes, mostram a importância depesquisas que sejam focadas no desenvolvimento de novas moléculas com alvos molecularesespecíficos e que contribuam para o tratamento destas, entre outras doenças negligenciadas.Muitos dos complexos metálicos usados como quimioterápicos no tratamento do câncerforam desenvolvidos como análogos da cisplatina e utilizados frente a diversos parasitos,devido à similaridade entre as vias metabólicas presentes entre células cancerígenas etripanossomatídeos. Esta classe de compostos metálicos geralmente está associada a diversosefeitos colaterais, entretanto, derivados de compostos ciclopaladados tem sido sintetizado eutilizado como alternativa terapêutica devido à alta estabilidade termodinâmica e cinéticapela formação de um quelato estável, o que diminui a toxicidade apresentada peloscomplexos convencionais de paládio (II). Em estudos prévios relacionados a este projeto(Velásquez et al, submetido a publicação), encontrou-se que o complexo ciclopaladadobinuclear, [Pd(dmba)(µ-N3)]2, denominado CP2, mostrou atividade leishmanicida etripanocida frente às formas amastigotas intracelulares de L. amanzonensis, espécierelacionada à leishmaniose cutânea/ mucocutânea, e Trypanosoma cruzi, protozoáriocausador da doença de Chagas, respectivamente; além disso, mostrou baixa citotoxicidadefrente a macrófagos peritoneais de camundongo e alta seletividade para as formasamastigotas intracelulares dos parasitos Leishmania amazonensis (SI= 49,90) eTrypanosoma cruzi (SI = 224,88). Em estudos in vivo, utilizando o modelo BALB/cinfectados com L. amazonensis, CP2 não apresentou toxicidade, quando investigadosmarcadores bioquímicos de função renal e hepática, e reduziu em 80% a carga parasitáriados animais, resultado promissor e comparável à anfotericina B, fármaco atualmenteutilizado no tratamento das leishmanioses. Diante das potencialidades deste composto e seupotencial uso para o desenvolvimento de análogos mais potentes para o tratamento dasleishmanioses, estudos aprofundados do mecanismo de ação desta molécula estão sendoconduzidos em nosso laboratório para determinar os possíveis alvos moleculares e, assim,contribuir de maneira integrada para o desenvolvimento racional de novos análogos. Caminhando neste sentido, nossos dados preliminares mostram que CP2 é capaz de inibir aetapa de clivagem da DNA Topoisomerase 1B do parasito. Para aprofundarmos nossoentendimento sobre o mecanismo de ação deste composto e seus efeitos na Leishmania,este projeto de pesquisa visa caracterizar os eventos moleculares gerados em cascata a partirda inibição da DNA Topoisomerase no parasito após exposição ao ciclopaladado CP2. (AU)

Resumo

Aplicação da Avaliação Pós-Ocupação em um museu construído até meados do século XX para verificação de sua funcionalidade e acessibilidade. (AU)

Resumo

Sistemas de Realidade Virtual (RV) têm sido utilizados na ciência como ferramentas de ensino e aprendizagem, formação técnica e entretenimento. No campo da reabilitação neurofuncional, a RV oferece uma oportunidade real para complementar e estimular a terapia convencional em pessoas que convivem com limitações físicas e cognitivas. Este projeto pretende testar e aprimorar aplicativos de RV para melhorar a função motora e cognitiva de pacientes que sofreram um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Para isto, será utilizado um conjunto de aplicações de RV, denominado GestureCollection, de co-autoria do candidato, que visa estimular a Interação Humano-Computador (IHC) por meio de gestos motores dos membros inferiores e superiores, incluindo a rotação do tronco. Estas aplicações são controladas a partir dos movimentos captados por um sensor de reconhecimento de gestos (Microsoft Kinect) que digitaliza o corpo do usuário e cria coordenadas espaciais de suas articulações, permitindo a interação gestual. O objetivo do projeto consiste em usar esses aplicativos de RV em paralelo com sessões de fisioterapia padrão, e investigar se há melhora na recuperação dos pacientes. Essa melhora será avaliada por meio do monitoramento da conectividade cerebral utilizando imagens de ressonância magnética funcional (fMRI). (AU)

Resumo

Esta pesquisa IC tem por objetivo o estudo da funcionalidade e do sistema construtivo de um espaço museológico em pleno uso abrigado em um edifício antigo de valor histórico, sob a perspectiva da Avaliação Pós-Ocupação (APO) que é constituída tanto pela avaliação do desempenho físico quanto pela avaliação da satisfação dos usuários. A partir do cruzamento da avaliação do desempenho físico com a aferição da satisfação dos usuários, serão realizados diagnósticos sobre os temas mencionados (funcionalidade e sistema construtivo) com vistas a formulação, na medida do possível, de recomendações a serem inseridas num programa de manutenção do museu estudo de caso. (AU)

Resumo

Esta pesquisa, desenvolvida desde julho de 2016, propõe-se a identificar e analisar dimensões temporais dos ritmos de apropriação social do espaço na América portuguesa e no Brasil por meio do movimento humano em seus territórios. Trata-se de investigação desdobrada de um projeto coletivo que pretende mensurar, de modo geral, os espaços-tempo sociais na América portuguesa e no Brasil dos séculos XVIII e XIX e sua relação com a formação do território brasileiro. Investiga-se uma tendência de aceleração dos tempos históricos a partir da variação dos dados espaço-temporais que indicam o relativo encurtamento do espaço identificável nas transformações dos intervalos temporais de deslocamento sobre o espaço. Os espaços-tempo, de modo geral, constituem uma forma de configuração do espaço a partir de medidas temporais. Essa categoria de análise permite identificar tendências de aceleração do tempo histórico a partir do encurtamento relativo do espaço e pode ser investigada empiricamente a partir das transformações dos ritmos de deslocamento sobre determinada extensão espacial que configuram um conjunto de relações sociais e econômicas. Com este projeto de pesquisa focaliza-se periodização específica do projeto coletivo: 1820 a 1830. Desse modo, a mensuração do tempo a partir do deslocamento espacial em uma etapa particular da formação do território do país, incluindo o seu processo de independência, torna-se uma unidade de análise central. (AU)

Resumo

De acordo com os dados da UNAIDS, 2,1 milhões de novos casos de infecção por HIV foram relatados entre 2010 e 2015 e com isso, percebemos que a infecção por HIV ainda está longe de ser erradicada e todos os esforços para entender o mecanismo desta infecção viral são necessários a fim de antecipar resultados relacionados com uma possível cura. Um dos fatores associados com a dificuldade de erradicação viral são os reservatórios, nos quais se situam partículas virais. Nesses reservatórios os vírus integrados ao genoma do hospedeiro permanecem em latência e podem sintetizar novas partículas. Entretanto, nos reservatórios estão presentes sequencias virais de genoma completo (com aproximadamente 10 kb) como de genoma incompleto, que geram partículas defectivas. A infecção múltipla de células é imprescindível para a ocorrência da replicação viral a partir de genomas defectivos, visto que as partículas são capazes de se complementar para formar uma partícula nova hábil a infectar outras células. Porém, não se sabe com exatidão como funciona essa complementação viral. Para isso, esse estudo procura entender melhor como os vírus defectivos presentes nos reservatórios se relacionam e como são capazes de sintetizar partículas viáveis. (AU)

Resumo

A história típica dos desenvolvimentos em macroeconomia coloca que, nos anos 1970, Robert Lucas e os teóricos Novos Clássicos reconfiguraram a área e enterraram o consenso keynesiano que dominou a área desde os anos 1940. A implicação disto foi trazer uma visão liberal (pró mercados livres) para a área, coincidente com a busca de microfundamentos para a macroeconomia. Esta narrativa é baseada quase que exclusivamente em desenvolvimentos teóricos e, assim, ignora tanto o papel de "expertise" e a dimensão política na formulação de políticas macroeconômicas, como também da consolidação de métodos econométricos no cerne da pesquisa macroeconômica. Edmond Malinvaud exemplifica muito bem a trajetória de um economista cujas contribuições refletem as questões de "expertise", métodos econométricos e contribuições teóricas à macroeconomia do desequilíbrio. Assim, estes aspectos trazem uma perspectiva muito mais complexa dos desenvolvimentos da macroeconomia após a Segunda Guerra mundial.Para o período do pós-doutoramento dois grandes projetos serão desenvolvidos. O primeiro aborda a visão, na narrativa tradicional, de que os Novos Keynesianos suplantaram os teóricos da macroeconomia do desequilíbrio porque ofereceram uma melhor racionalização (ou, pelo menos, melhores microfundamentos) da teoria keynesiana. Há claros problemas com esta narrativa. Primeiramente, do mero ponto de vista cronológico, a macroeconomia do desequilíbrio não pode ter sido sucedida pela macroeconomia novo keynesiana porque os principais modelos da primeira foram publicados nos anos 1970, concomitantemente com vários importantes modelos da segunda. Em segundo lugar, a macroeconomia do desequilíbrio não desapareceu depois do surgimento do novo keynesianismo, mas se desenvolveu na década de 1980 com uma fase de expansão com modelos dinâmicos. Este primeiro projeto de pesquisa analisará tanto historicamente como analiticamente a natureza da relação entre a macroeconomia do desequilíbrio e a novo keynesiana.O segundo projeto de pesquisa analisará a ascensão e subsequente domínio dos modelos DSGE na macroeconomia contemporânea. Começando em meados da década de 1990, a suposta oposição irreconciliável entre os teóricos dos ciclos econômicos reais (RBC) e os novos keynesianos se arrefeceu e a macroeconomia parecia entrar numa nova era de consenso que foi chamada de "nova síntese neoclássica". Tal com a antiga síntese (da década de 1950), a nova síntese se apoia numa trégua mais do que num consenso porque a oposição entre aquelas abordagens não se resolveu e nem foi superada pela macroeconomia DSGE. Este projeto desenvolverá dois grandes pontos. Primeiramente, é crucial identificar os diferentes passos que levaram ao novo consenso, bem como os macroeconomistas que foram responsáveis pela introdução de elementos novo keynesianos em modelos dinâmicos da linhagem RBC. Em seguida, é fundamental identificar e entender historicamente os locais de "expertise" nos quais a aproximação entre aqueles dois grupos ocorreu, de modo a determinar os problemas práticos que aqueles teóricos analisaram e cuja solução foi base para a convergência dos dois grupos. (AU)

Resumo

A partir da análise realizada pela técnica de SAGE (Serial Analysisof Gene Expression) realizada em amostras benignas e malignas da tiroide com posterior validação por PCR em tempo real e imunohistoquímica verificamos que a expressão combinada de cinco marcadores (PVALB, ITM1 e C10rf24, ARG2 e DDIT3), é capaz de distinguir as lesões benignas e malignas da tiroide com alta sensibilidade e especificidade. Entre estes, PVALB é especificamente expresso nos adenomas de células de Hürthle, desta forma, é um marcador de benignidade. Para compreender o papel de PVALB na patogênese dos tumores da tiroide, nosso grupo realizou estudos in vitro. Demonstramos, por meio da expressão ectópica de PVALB em linhagens celulares de carcinoma folicular da tiroideuso de indicadores específicos de Ca2+ livre Fluo-4, AM (citoplasma) e Rhod-2, AM (mitocôndria) e tratamento com tapsigargina, um inibidor seletivo da Ca2+-ATPase do retículo (SERCA), que PVALB reduz as taxas de Ca2+ livre no citoplasma e na mitochondria. Além disso, verificamos que PVALB reduziu as taxas de proliferação celular e induziu a morte celular, provavelmente via diminuição da fosforilação de GSK-3² e AKT e expressão de proteínas associadas ao estresse de retículo (PERK). Além disso, por meio da análise das células por Microscopia Eletrônica de Transmissão, observamos que as células que expressam PVALB apresentam uma alteração na morfologia celular. PVALB promoveu um aumento no tamanho celular e aumento no número das mitocôndrias. Por fim, observamos que a expressão de PVALB está correlacionada com a presença de cálcio nas amostras de ACH, confirmando nossos resultados obtidos in vitro. Estes dados em conjunto, sugerem um importante papel de PVALB na aquisição das características fenotípicas comumente observadas nas células de Hürthle e que PVALB pode atuar como um gene supressor tumoral. Neste projeto propomos investigar o mecanismo associado a alteração da expressão de PVALB nos tumores de células de Hürthle. Investigando se estas alterações se devem a algum mecanismo epigenético (metilação) ou por número de cópias. Proposmos também analisaro perfil metabólico associado a expressão ectópica de PVALB nas linhagens celulares de carcinomas folicular da tiroide e, dsta forma,identificar possíveis as vias metabólicas que possam contribuir na patogênese dos tumores da tiroide. (AU)

Resumo

As relações entre Brasil e Argentina sempre estiveram presentes em ambas as agendas de política externa, sendo de extrema relevância para ambos, devido a proximidade geográfica e a relação de interdependência econômica. Desde meados da década de 1980, no entanto, com a reaproximação dos dois países, houve a intensificação de negociações e o aprofundamento da pauta de integração regional.Diante da importância do aspecto da integração regional, busca-se, através do método empírico de pesquisa e análise em perspectiva comparada, estudar a relação e influência da opinião pública nas decisões sobre os rumos tomados pela integração regional entre Brasil e Argentina, principalmente no âmbito do MERCOSUL. (AU)

123.682 resultado(s)
|
Exportar 0 registro(s) selecionado(s)
Marcar todos desta pagina | Limpar seleção