Busca avançada
Ano de início
Entree

Expansão da Infraestrutura de Pesquisa do Laboratório de Aquisição e Processamento de Imagens e Sinais da Universidade de Sorocaba (LAPISUS)

Resumo

O projeto tem por meta complementar o parque de equipamentos alocados no Laboratório de Aquisição e Processamento de Imagens e Sinais da Universidade de Sorocaba (LAPISUS). Este Laboratório começou a ser montado com recursos da Finep (CHAMADA PÚBLICA MCTI/FINEP/CT-INFRA - PROINFRA - 02/2014 -Equipamentos Multiusuários) com a aquisição dos seguintes equipamentos: a) Microscópio Eletrônico de Varredura, b) Difrator de Raios-X e Microscópio Confocal. Na Universidade de Sorocaba contamos hoje com um equipamento de Fluorescência de Raios-X, que está atualmente alocado no Laboratório de Física Nuclear Aplicada (LAFINAU), porém é um equipamento limitado do ponto de vista do fluxo de pesquisa que o mesmo comporta, pois trata-se de um equipamento que foi montado pelo grupo de pesquisa que coordeno, usando materiais (fonte de raios-X e detector) fornecidos pela empresa Amptek Inc. Como a Técnica da Fluorescência de Raios-X, vem atualmente substituindo várias outras anteriormente utilizadas para análise elementar, como por exemplo, Espectroscopia por Indução de Plasma, o equipamento de fluorescência não tem atendido a demanda dos pesquisadores que tem nos procurado, tanto internamente como o de pesquisadores externos. Dentro deste contexto de melhora no fluxo das pesquisas realizadas, estamos solicitando a aquisição de um equipamento de Fluorescência de Raios-X e acessórios usados na preparação de amostras. Este equipamento beneficiará a comunidade acadêmica como um todo, mas mais especificamente os pesquisadores e alunos vinculados aos Programas de Pós-graduação em Processos Tecnológicos e Ambientais e ao Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas da Universidade de Sorocaba. Temos certeza que com a aquisição destes equipamentos o número de alunos acolhidos nesse laboratório e a qualidade dos trabalhos de pesquisa desenvolvidos crescerá. Esta Proposta foi elaborada considerando as regras para utilização dos recursos da Reserva Técnica Institucional concedidos pela FAPESP. (AU)