Busca avançada
Ano de início
Entree

Novos ecossistemas tecnológicos em sistemas produtivos: Uma Revisão e Agenda de Pesquisa para Plataformas de negócios digitais (digital business platform)

Processo: 17/22202-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2018 - 30 de abril de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Produção
Pesquisador responsável:Marcelo Tsuguio Okano
Beneficiário:Marcelo Tsuguio Okano
Instituição-sede: Unidade de Pós-Graduação, Extensão e Pesquisa. Centro Paula Souza (CEETEPS). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Eliane Antonio Simões
Assunto(s):Inovação 

Resumo

As empresas estão adaptando-se as novas tecnologias e tornando-se digitalizadas e organizadas em uma nova forma de organizações digitais do futuro, de acordo com CHEW (2015), denominada de DOOTF (iniciais das palavras em inglês, digital organizations of the future).A transformação digital está mudando profundamente as formas em que o valor é criado e como o valor é capturado. Novas empresas com modelos de negócios novos e inovadores nascem. As empresas existentes precisam repensar seus modelos de negócios quando se transformam na era digital (ITÄLÄ, 2015).Já a transformação digital de negócios (digitalização de negócios) refere-se à incorporação de tecnologias avançadas como a nuvem, sistemas móveis, Internet de Coisas (IOT), bigdata e inteligência artificial (AI) em produtos, serviços e modelos de negócios. Isso pode melhorar a competitividade do produto, reforçar as relações com os clientes ou melhorar a eficiência do negócio em uma escala diferente das formas convencionais de melhoria (YOSHIDA, 2017).Na literatura de modelos de negócios, um modelo emergente é a plataforma de negócios (ou business platform, em inglês), considerando que os modelos de negócios de um lado têm um ou vários segmentos de clientes, que são distintos um do outro, o modelo de negócios com plataforma tem dois ou vários segmentos de clientes, que interagem uns com os outros usando a plataforma de negócios (ITÄLÄ, 2015). Podemos destacar como exemplos deste tipo de modelo de negócios o Facebook e a Google.Outro tipo de modelo é denominado ecossistema, que compara as redes comerciais emergentes com os ecossistemas biológicos. De acordo com ITÄLÄ (2015), esta combinação de um fabricante de dispositivo, provedor de sistema operacional, loja, provedor de aplicativos e provedor de conteúdo é chamado de um ecossistema, neste exemplo, um ecossistema de smartphone, figura 1. Todos os membros do ecossistema se beneficiam mutuamente e, claro, o cliente beneficia mais. E, claro, os clientes pertencem ao ecossistema.Figura 1 - Exemplo de ecossistema (ITÄLÄ, 2015).Venkatraman et al. (2014) definiram como plataformas de inovação empresarial digital como "ações de uma rede de empresas com competências complementares para co-inovar novos modelos de negócios que são intrinsecamente baseados em funcionalidades de informação e tecnologia".Em primeiro lugar, conceitualizaram a inovação como plataforma além do enquadramento convencional da inovação como processo. As plataformas de inovação permitem inovações de modelos de negócios impulsionadas e suportadas pela tecnologia da informação.Em segundo lugar, as inovações digitais não são criadas por empresas autônomas, mas por uma rede de empresas em um ecossistema de negócios que agrupe suas habilidades complementares. Consequentemente, o Android ou o iOS não são inovações digitais do Google e da Apple, respectivamente. São ecossistemas comerciais envolvendo hardware, aplicações e serviços complementares orquestrados pelo Google e pela Apple e envolvendo várias empresas que competem e cooperam em redes dinâmicas (Iansiti e Levien 2004).As plataformas de negócios digitais estão mudando a forma como produtos e serviços são criados e oferecidos. Eles estão ameaçando empresas estabelecidas dentro de muitas indústrias, vide figura 2 (ITÄLÄ, 2014).Figura 2- Plataformas de negócios em camadas (Itälä, 2014)Itälä (2014) ilustrou com os seguintes eventos:AirBnB é uma plataforma que liga essas pessoas comuns que estão dispostas a fornecer uma sala e aqueles viajantes que precisam de uma acomodação barata.Uber é uma plataforma que conecta pessoas comuns que estão dispostas a oferecer uma unidade de táxi e clientes que precisam de um lugar para outro. Curiosamente, nem a AirBnB nem a Uber possuem seus quartos ou carros; Eles apenas conectam os proprietários e usuários em uma interação. Tanto a AirBnB quanto a Uber também criam confiança nos dois lados: os compradores do serviço podem escrever avaliações de (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)