Busca avançada
Ano de início
Entree

Institucionalizados: entre ruas, manicômios, prisões, albergues.

Processo: 17/24602-0
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2018 - 31 de março de 2020
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Antropologia Urbana
Pesquisador responsável:Taniele Cristina Rui
Beneficiário:Taniele Cristina Rui
Instituição Sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Deborah Rio Fromm Feltran ; Juliana Ramos Boldrin
Assunto(s):Prisões  Instituições  Abrigo 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Abrigos | Comunidades terapêuticas | instituições | Políticas Assistenciais | Prisões | Situação de Rua | antropologia das instituições

Resumo

Este projeto de pesquisa debruça-se sobre a trajetória de pessoas institucionalizadas, que passaram a maior parte de suas vidas circulando por entre ruas de grandes metrópoles, albergues, espaços de tratamento e atenção à saúde mental, prisões. Em certa medida, o projeto retoma uma discussão já clássica sobre instituições - que tem em suas maiores referências Erving Goffman e Michel Foucault -- mas visa, desde uma perspectiva dos institucionalizados, compreender processos de subjetivação (e não de "mortificação do eu"). Mais ainda, a pesquisa está interessada não na permanência em uma instituição, mas na circulação por entre elas, com o objetivo de acompanhar dinâmicas de trajetórias institucionais e, num nível mais subjetivo, ressonâncias e transversalidades presentes na gestão contemporânea da precariedade. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Brasil investe em programa de moradia primeiro 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)