Busca avançada
Ano de início
Entree

Burseraceae neotropicais: abordagens filogenéticas e taxonômica

Processo: 18/03049-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 01 de outubro de 2018 - 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Taxonomia Vegetal
Pesquisador responsável:Pedro Dias de Oliveira
Beneficiário:Pedro Dias de Oliveira
Pesquisador visitante: Douglas Charles de Burgh Daly
Inst. do pesquisador visitante: New York Botanical Garden (NYBG), Estados Unidos
Instituição-sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/18002-2 - Sapindales: filogenia e diversificação na região neotropical, AP.TEM
Assunto(s):Burseraceae  Anacardiaceae  Filogenia  Região neotropical  Intercâmbio de pesquisadores 

Resumo

O Dr. Douglas Daly é Curador do Herbário do Jardim botânico de Nova York, Nova York (USA), sendo atualmente o pesquisador mais experiente sobre a família Burseraceae e um dos conhecedores expoentes da família Anacardiaceae. A maioria das publicações sobre a família Burseraceae nas últimas décadas ão de sua autoria (ou co-autoria), assim como diversas publicações sobre grupos da família Anacardiaceae. Adicionalmente, o Dr. Douglas Daly possui mais de quatro décadas de experiência em estudo da Flora Amazônica e de ou-tras partes do Brasil (foi coordenador do projeto "Flora do Acre" e atualmente está iniciandoas atividades para o projeto "Flora de Rondônia"). Nesse sentido, a vinda do Dr. Douglas Daly como Pesquisador Visitante junto ao Projeto Temático ao qual esta proposta está associada objetiva 1) atualizar as identificações das coleçoes de Burseraceae nos principais herbários do país com coleção representativa da família Burseraceae; 2) ministrar curso em nível de pós-graduação (na instituição sede) e proferir palestras nas instituições visitadas; 3) contribuir com a orientação/supervisão dos estudos da família Burseraceae em andamento; 4) contribuir com a elaboração da nova classificação tribal para a família Burseraceae; 5) participar da execução do projeto "World Sapindales: diversity, evolution, and key innovations" (a ser submetido à chamada BIOTA-FAPESP/Dimensions-NSF); 6) colaborar na ela-boraçã o de novas propostas a serem submetidas para agências de fomento internacionais eno fortalecimento do grupo de pesquisa local através da parceria internacional. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.