Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação de ressonância magnética nuclear (RMN) em metabolômica e metabonômica de doenças humanas

Processo: 18/06510-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2018 - 31 de maio de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Ljubica Tasic
Beneficiário:Ljubica Tasic
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:Ana Cristina Victorino Krepischi
Assunto(s):Biomarcadores  Glioma  Neoplasias hepáticas  Neoplasias renais 

Resumo

O projeto ora apresentado visa análises metabolômicas e metabonômicas por técnicas de ressonância magnética nuclear aplicadas aos estudos de câncer infanto-juvenil e de glioma (glioblastoma). As informações acerca de mudanças metabólicas em células cancerígenas são conhecidas e estudadas, porém, os estudos nas populações mais novas - entre crianças e adolescentes de 1 a 19 anos - são escassas por essas apresentarem um grupo de doenças muito peculiares, em que as diferenças genéticas e mutações não são a causa primária de ocorrência de câncer. Mais ainda, no Brasil, o câncer já representa a primeira causa de morte por doença entre crianças e adolescentes (8% do total) como, também, em países desenvolvidos. O câncer que acomete a população mais nova abrange várias doenças, tais como: tumores do sistema nervoso central, linfomas, neuroblastoma, tumor de Wilms, retinoblastoma, tumor germinativo, osteossarcoma e sarcomas. Nas últimas quatro décadas, o progresso no tratamento do câncer na infância e na adolescência foi extremamente significativo. Hoje, em torno de 80% das crianças e adolescentes acometidos de câncer podem ser curados, se diagnosticados precocemente e tratados em centros especializados. A maioria deles terá boa qualidade de vida após o tratamento adequado, porém, os efeitos dos tratamentos recebidos via quimioterapia e/ou radioterapia podem comprometer a longevidade, uma vez que, após 20 ou 30 anos do tratamento anticâncer, os indivíduos podem ter reincidência ou câncer de outro tipo. Dessa forma, faz-se necessário propor um acompanhamento, tratamento personalizado e diagnóstico - precoce, acurado, robusto, que possibilitem uso na medida certa de quimio- e/ou radio- fármacos. Neste projeto, teremos três doenças como alvos de estudos: (a) tumor de Wilms (TW, ou nefroblastoma); (b) osteossarcoma, e (c) tumor de fígado (hepatoblastoma). As amostras de pacientes com tumores sólidos (nefroblastoma e hepatoblastoma) serão estudadas aplicando as técnicas de ressonância magnética nucelar no estado semissólido (HR-MAS). Também, serão usadas as amostras de soro dos mesmos pacientes e de pacientes que sofrem de osteossarcoma e estudadas por técnicas de ressonância magnética nucelar no estado líquido. Espera-se verificar se a atividade metastática e/ou resistência ao tratamento quimioterápico pode ser observada no tecido tumoral e/ou no metabolôma do soro e descobrir possíveis candidatos a marcadores prognósticos ou terapêuticos. Esperamos que a deteção precoce, o acompanhamento do tratamento, bem como uma melhor compreensão de vias bioquímicas alteradas possam ser de grande importância no aumento da eficácia clínica e terapia anticâncer em neoplasias pediátricas. A segunda parte da nossa pesquisa abrange estudos acerca de glioblastoma, nos quais esperamos que as alterações metabólicas nos gliomas possam proporcionar uma visão global do desenvolvimento e progressão tumoral. Os gliomas são os tumores malignos que causam os cânceres cerebrais mais perigosos e prevalentes - são excepcionalmente resistentes ao tratamento e removem cada vez mais vidas de pessoas jovens e de meia-idade. A falta de biomarcadores efetivos para diagnósticos e alvos para tratamento, deve-se à compreensão ainda incompleta dos mecanismos moleculares dessas doenças altamente variáveis. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ESCOBAR, MELISSA QUINTERO; MASCHIETTO, MARIANA; KREPISCHI, V, ANA C.; AVRAMOVIC, NATASA; TASIC, LJUBICA. Insights into the Chemical Biology of Childhood Embryonal Solid Tumors by NMR-Based Metabolomics. BIOMOLECULES, v. 9, n. 12 DEC 2019. Citações Web of Science: 0.
MONTE, GABRIELA GUILHERME; NANI, V, JOAO; DE ALMEIDA CAMPOS, MARINA ROSSETO; DAL MAS, CAROLINE; NEGRI MARINS, LUCAS AUGUSTO; MARTINS, LUCAS GELAIN; TASIC, LJUBICA; MORI, MARCELO A.; HAYASHI, MIRIAN A. F. Impact of nuclear distribution element genes in the typical and atypical antipsychotics effects on nematode Caenorhabditis elegans: Putative animal model for studying the pathways correlated to schizophrenia. PROGRESS IN NEURO-PSYCHOPHARMACOLOGY & BIOLOGICAL PSYCHIATRY, v. 92, p. 19-30, JUN 8 2019. Citações Web of Science: 0.
STANISIC, DANIJELA; FREGONESI, NATALIA L.; BARROS, CAIO H. N.; PONTES, JOAO G. M.; FULAZ, STEPHANIE; MENEZES, ULISSES J.; NICOLETI, JORGE L.; CASTRO, THIAGO L. P.; SEYFFERT, NUBIA; AZEVEDO, VASCO; DURAN, NELSON; PORTELA, RICARDO W.; TASIC, LJUBICA. NMR insights on nano silver post-surgical treatment of superficial caseous lymphadenitis in small ruminants. RSC ADVANCES, v. 8, n. 71, p. 40778-40786, 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.