Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da suplementação do mineral Zinco (orgânico e inorgânico) no perfil proteômico e metalômico da geleia real, morfologia da glândula hipofaringeana e transcriptoma de abelhas Apis mellifera

Processo: 18/00511-9
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de julho de 2018 - 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Produção Animal
Pesquisador responsável:Ricardo de Oliveira Orsi
Beneficiário:Ricardo de Oliveira Orsi
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Apicultura  Abelhas  Genes  Proteômica  Suplementação 

Resumo

A nutrição larval em Apis mellifera exerce papel fundamental, influenciando diretamente o seu desenvolvimento assim como promove a mudança no perfil hormonal e integridade do ovário em futuras rainhas. Minerais como o zinco (Zn) apresentam importância fundamental como componentes estruturais e funcionais dos seres vivos. Entretanto, a fonte na qual o mineral é oferecido na nutrição animal pode interferir em sua biodisponibilidade, promovendo efeitos diferentes no organismo. Assim, neste projeto estamos propondo as seguintes ações, a saber: 1) avaliar duas fontes de Zinco (orgânica e inorgânica), em diferentes concentrações, para as abelhas Apis mellifera; 2) estimular a produção e colheita de geleia real; 3) avaliar o perfil proteômico e metalômico deste produto e correlacionar a expressão das metaloproteínas com as fontes alimentares fornecidas; 4) avaliar uma possível interferência da fonte mineral na morfologia da glândula hipofaringeana de abelhas nutrizes com seis dias de idade e 5) identificar e analisar o perfil de expressão de genes que sofrem influência direta do zinco por meio da análise do transcriptoma das abelhas. Para isto, serão utilizadas 28 colônias de abelhas Apis mellifera, divididas em 7 tratamentos: 1: Controle - sem suplementação; 2: Suplementação com 25 mg L-1 de Zinco inorgânico; 3: Suplementação com 25 mg L-1 de Zinco orgânico; 4: Suplementação com 50 mg L-1 de Zinco inorgânico; 5: Suplementação com 50 mg L-1 de Zinco orgânico; 6: Suplementação com 75 mg L-1 de Zinco inorgânico e; 7: Suplementação com 75 mg L-1 de Zinco orgânico. As fontes de zinco serão diluídas em xarope de açúcar. A produção de geleia real será realizada pelo método de transferência de larvas, colhida 48 horas após a indução de sua produção e armazenada em frasco âmbar em freezer (-20°C) até o momento das análises proteômicas. Para a avaliação do desenvolvimento das glândulas hipofaringeanas e da análise do transcriptoma serão colhidas 10 abelhas com seis dias de vida, de cada tratamento. Espera-se com esse projeto obter importantes informações a respeito da nutrição das abelhas, visto se tratar de uma área com pouco conhecimento científico, o que certamente contribuirá para o avanço da área e melhor nutrição e desenvolvimento dos enxames. (AU)