Busca avançada
Ano de início
Entree

Resistência a beta-lactâmicos em Escherichia coli isoladas de carnes e fezes de ovinos destinados ao corte

Processo: 18/02691-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2018 - 30 de novembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Tiago Casella
Beneficiário:Tiago Casella
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (FAMERP). Secretaria de Desenvolvimento Econômico (São Paulo - Estado). São José do Rio Preto , SP, Brasil
Pesq. associados:Juliana Regina Peiró ; Luiz Claudio Nogueira Mendes ; Mara Corrêa Lelles Nogueira
Bolsa(s) vinculada(s):19/16003-5 - Identificação de determinantes de mobilização de genes que conferem resistência a cefalosporinas de terceira geração em Escherichia coli, BP.TT
18/16147-4 - Resistência a beta-lactâmicos em Escherichia coli isoladas de carnes e fezes de ovinos destinados ao corte, BP.TT
Assunto(s):Ovinos  Resistência  Escherichia coli 

Resumo

A resistência aos antimicrobianos beta-lactâmicos é um grande problema em saúde pública, pois estes são um dos grupos de antimicrobianos mais utilizados no tratamento de infecções. Estudos relatam a transmissão de bactérias e genes de resistência presentes em alimentos para o ser humano via manipulação ou consumo. A pesquisa sobre a resistência em bactérias isoladas de ovinos é um campo ainda negligenciado no Brasil pelo fato de o rebanho não ser significativamente grande. Porém, o consumo interno de carne de cordeiro tem crescido no país, considerado um grande produtor, exportador e consumidor de carnes no mundo. Portanto, fornecer informações sobre bactérias resistentes a beta-lactâmicos isoladas da cadeia de produção de carnes é imprescindível. Para isso, serão coletadas fezes de cordeiros destinados ao corte e de amostras de carne de cordeiro vendidas no varejo a fim de comparar os determinantes de resistência encontrados em ambos. Os isolados de Escherichia coli serão selecionados em ágar MacConkey adicionado de 4 mg/L de ceftiofur, submetidos ao teste de suscetibilidade aos antimicrobianos e à caracterização molecular dos determinantes de resistência aos beta-lactâmicos, tanto genes quanto os plasmídeos que os albergam. Os isolados também serão comparados de acordo com o grupo filogenético, PFGE e MLST. Já foram obtidos 136 isolados de E. coli a partir de 105 ovinos em dois anos, sendo 87 de 2016 e 49 de 2017. Dentre os isolados de 2016 já caracterizados, variantes de blaCTX-M (como blaCTX-M-14, ainda incomum no Brasil) e blaCMY-2 foram identificados como responsáveis pela resistência a cefalosporinas, com predominância do segundo. A tipagem prévia por ERIC-PCR não revelou predomínio de um isolado, apesar de haver isolados muito similares provenientes de animais diferentes, o que nos leva a acreditar no papel fundamental de plasmídeos na disseminação de blaCMY-2. Dentre os isolados de 2017 já caracterizados, observa-se uma clara predominância de genes blaCTX-M do grupo 1, além de outras variantes de blaCTX-M e blaCMY-2, e a tipagem por ERIC-PCR também não indicou predominância de uma cepa específica, mais uma vez sugerindo haver um papel fundamental de plasmídeos na disseminação dos genes de resistência. Além disso, em 2017 foi possível coletar amostras de carcaça dos ovinos, das quais foram isoladas 4 E. coli resistentes ao ceftiofur. Dentre esses 4 isolados, 1 é clonalmente relacionado a outros 2 isolados provenientes de fezes de 2 animais diferentes pela técnica de tipagem por XbaI-PFGE. O resultado demonstra o compartilhamento de cepas bacterianas presentes no trato gastrointestinal de animais em confinamento e a permanência das mesmas após o abate do animal. As evidências obtidas até o momento indicam a plausibilidade de rastrear a disseminação de genes de resistência a antimicrobianos na cadeia de produção de carnes destinadas ao consumo humano, principal objetivo deste projeto de pesquisa. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
GOZI, KATIA SUEMI; FROES, JULIANA RODRIGUES; TOBIAS DEUS AJUDE, LUANA PERPETUA; DA SILVA, CAROLINE RODRIGUES; BAPTISTA, RAFAELA SPERANZA; PEIRO, JULIANA REGINA; MARINHO, MARCIA; NOGUEIRA MENDES, LUIZ CLAUDIO; LELLES NOGUEIRA, MARA CORREA; CASELLA, TIAGO. Dissemination of Multidrug-Resistant Commensal Escherichia coli in Feedlot Lambs in Southeastern Brazil. FRONTIERS IN MICROBIOLOGY, v. 10, JUN 25 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.