Busca avançada
Ano de início
Entree

Dosador de vinhos

Processo: 17/08667-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de julho de 2018 - 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Elétrica - Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos
Pesquisador responsável:Gilson Heil Dias dos Anjos
Beneficiário:Gilson Heil Dias dos Anjos
Empresa:GHD dos Anjos Desenvolvimento de Eletroeletrônicos
CNAE: Fabricação de máquinas e equipamentos de uso geral não especificados anteriormente
Município: São José dos Campos
Bolsa(s) vinculada(s):18/17253-2 - Dosador de vinhos, BP.PIPE
Assunto(s):Mecatrônica  Automação  Vinho  Climatização  Uva  Qualidade do produto 

Resumo

O dosador de vinhos consiste de um sistema automatizado para servir vinhos, composto de um módulo de pressurização (CO2 ou Nitrogênio) com a finalidade de manter pressão positiva dentro da garrafa e principalmente criar um ambiente inerte, livre de oxigênio, válvulas para controle, display de cristal líquido e sistema de refrigeração, sendo tudo controlado por microprocessador. Serão fabricados 3 modelos, cada um com 2 versões. Teremos modelos para 2 garrafas sendo servidas e 2 climatizando, outro com 4 garrafas sendo servidas e 4 climatizando e uma última com 6 garrafas sendo servidas e 6 climatizando, com versões OPEN SOURCE e SELF SERVICE. Capacidade de climatização para vinhos tintos e brancos, com controle de temperatura de 8 a 20 graus Celsius. Conservação do vinho através de gás inerte, CO2 ou Nitrogênio, por longo período de tempo, permitindo deixar uma garrafa de vinho aberta por meses sem alteração de paladar. A versão OPEN SOURCE destina-se para ser servido por garçom quando utilizada comercialmente, além da possibilidade de uso doméstico. A versão SELF SERVICE é destinada para uso comercial, onde o cliente se serve, tendo o consumo liberado através de um crédito pré-concebido em uma chave, que no caso será um pen drive codificado. O equipamento é configurável pelo usuário que definirá o tamanho da dose, temperatura de climatização e o valor em créditos no caso da versão SELF SERVICE. Os dosadores quando em uso comercial tem como preocupação principal o controle total do estoque, além de servir volumes precisos, com erro máximo de 1ml o que irá gerar um preço mais justo e baixo paro o cliente. O alto valor de venda de alguns vinhos impossibilita muitos amantes do produto de poder degustar um vinho de altíssima qualidade devido à hoje ter que consumir toda a garrafa, dando este dosador a possibilidade deste cliente degustar uma pequena quantidade, fazendo o comparativo com outros rótulos já conhecidos criando um comparativo que não necessita de sua memória gustativa, a qual pode ser muito falha. A perspectiva de mercado do produto é muito grande, dado que a comercialização de vinhos finos no Brasil é crescente podendo ter um valor agregado bastante alto. O equipamento será composto de micro controlador, sensores de pressão e temperatura, válvulas solenoides para ar e líquidos, além de interface para o usuário. O controle de volume será realizado com a realimentação da leitura da pressão de trabalho, valor que será usado para o controlador calcular o tempo necessário para servir a dose selecionada. Os volumes das doses configuradas serão dados por uma fração do volume padrão de garrafas de vinhos (750ml), o que possibilita o controlador bloquear doses abaixo do volume disponível. O controle de temperatura irá climatizar o vinho na temperatura específica de cada casta de uva, pois a temperatura do vinho afeta a papila gustativa, sendo assim fundamental esse controle para o maior aproveitamento. A injeção de um gás inerte é o que viabiliza esse produto não deteriorar em um curto espaço de tempo, pois o oxigênio altera o sabor progressivamente, deteriorando desta forma o grande valor dos vinhos de qualidade. (AU)