Busca avançada
Ano de início
Entree

Uso sustentável da biodiversidade brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores

Processo: 02/05503-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa BIOTA - Temático
Vigência: 01 de agosto de 2003 - 31 de dezembro de 2008
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química
Pesquisador responsável:Wagner Vilegas
Beneficiário:Wagner Vilegas
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Pesquisadores principais:Alba Regina Monteiro Souza Brito ; Clarice Queico Fujimura Leite ; Eliana Aparecida Varanda
Auxílios(s) vinculado(s):06/55994-7 - In vitro evaluation of Byrsonima crassa to treat Helicobacter pylori infeciton, AR.EXT
Bolsa(s) vinculada(s):08/01682-0 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: avaliação químico-farmacológica de plantas superiores : Indigofera hirsuta (Fabaceae), BP.MS
08/05921-9 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: estudo químico de infusos de Byrsonima coccolobifolia e Byrsonima ligustrifolia (Malpighiaceae), BP.IC
08/50395-3 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospeccao-farmacologica em plantas superiores - Pouteria ssp (Sapotaceae), BP.PD
+ mais bolsas vinculadas 06/61362-3 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira - prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: estudo químico e farmacológico do gênero Astronium (Anacardiaceae), BP.PD
07/53362-6 - Mecanismos de ação envolvidos na atividade antiulcerogênica de Anacardium humile St. Hil. (Anacardiaceae), BP.MS
07/51048-2 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: avaliação químico-farmacológica de plantas superiores Serjania grandiflora Cambess (Sapindaceae), BP.IC
06/61772-7 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: prospecção químico farmacológica em plantas superiores: desenvolvimento de metodologias cromatográficas para estabelecimento de perfis quali e quantitativos, BP.PD
06/51453-1 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: determinação de enantiômeros em extratos vegetais por cromatografia quiral e dicroísmo circular, BP.DR
06/57512-0 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira avaliação quimica-farmacologica de plantas superiores: Guapira spp., BP.DR
06/56469-3 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospecção químico farmacológica em plantas superiores: Serjania (Sapindaceae) Will., BP.PD
06/60139-9 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: avaliação químico farmacológica de plantas superiores: Indigofera suffruticosa (Fabaceae), BP.IC
05/60835-2 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: avaliação químico-farmacológica de plantas superiores: Mouriri elliptica (Melastomataceae), BP.IC
06/50680-4 - Avaliação daatividade antimicobacteriana dos extratos e frações das plantas do cerrado, BP.TT
06/51043-8 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira. prospecção químico farmacológica em plantas superiores, BP.TT
05/56604-5 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira, prospecção químico-farmacológica em plantas superiores, BP.TT
05/54984-5 - Morfoanatomia dos órgãos vegetativos e perfil químico de espécies do gênero Smilax L. (Smilacaceae), BP.DR
04/10736-5 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: Neea spp. (Nyctaginaceae), BP.MS
04/12967-4 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: avaliação quimica-farmacologica de plantas superiores: guapira noxia, BP.MS
04/13660-0 - Determinação da atividade antioxidante envolvida em mecanismos antiulcerogênicos de Anacardium humile St. Hill. (Anacardiaceae), BP.IC
04/16011-2 - O Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores - parte farmacológica, BP.TT
04/07898-3 - Determinação da atividade antioxidante envolvida em mecanismos antiulcerogênicos de plantas dos gêneros Indigofera e Vernonia, BP.PD
04/03101-3 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: Alchornea (Euphorbiaceae) e Indigofera (Fabaceae), BP.DD
04/07255-5 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: prospecção químico farmacológica em plantas superiores, BP.DR
03/09748-6 - Prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: atividade de Mouriri ssp. sobre o sistema gastrointestinal, BP.DR
04/03289-2 - Prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: atividade de Mangifera indica Linn. sobre o sistema gastrintestinal, BP.IC
04/01436-8 - Estudo da atividade antimicobacteriana de extratos vegetais, BP.IC
04/01786-9 - Avaliação da atividade mutagênica das plantas Ananas ananassoides e Hancornia speciosa através de ensaios de mutação gênica reversa com S. typhimurium, BP.IC
04/01787-5 - Ensaios de mutação gênica reversa com Salmonella typhimurium para avaliação de atividade mutagênica das plantas Davilla nitida e D. elliptica, BP.IC
04/00943-3 - Projeto viveiro medicinal: a etnofarmacologia como ferramenta para um programa de educação ambiental no município de Sumaré, SP, BP.IC
04/01298-4 - Uso sustentável de biodiversidade brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores da Mata Atlântica e do Cerrado, BP.TT
04/01586-0 - Uso sustentável de biodiversidade brasileira: prospecção químico farmacológico em plantas. Subitem: avaliação da atividade antimicrobiana, BP.TT
03/10631-6 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: Davilla elliptica St. Hill, BP.IC
03/07809-8 - Uso Sustentável da Biodiversidade Brasileira: prospecção químico-farmacológica em plantas superiores: estudo químico de Qualea, BP.IC
03/03110-0 - Atividade antiulcerogênica de plantas nativas do cerrado do estado de São Paulo pertencentes ao gênero Indigofera, BP.DD
02/09493-5 - Uso sustentável da biodiversidade brasileira: prospecção químico farmacológica em plantas superiores: Byrsonima (Malpighiaceae), BP.PD - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Plantas  Cerrado  Biodiversidade 
Publicação FAPESP:http://www.fapesp.br/biota/biota_vilegas.pdf

Resumo

A aparente incompatibilidade entre os estudos químicos e farmacológicos de uma planta pode ser resolvida com a firme disposição em se abordar racionalmente o problema. Os grupos de pesquisas em Química de Produtos Naturais do IQ-Araraquara-Unesp, de Farmacologia de Produtos Naturais do IB-Unicamp e do IB-Botucatu-Unesp e de Ciência Biológicas da FCF-Araraquara-Unesp iniciaram colaboração há cerca de dois anos, tendo já produzido um considerável volume de trabalho, com significativos resultados na investigação de plantas com atividade antiúlceras gástricas, anti-oxidante, analgésica, anti-inflamatória e antimicrobiana. Os resultados originam-se de uma estratégia de pesquisa que parte de informações etnobotânicas e etnofarmacológicas, segue com a realização de ensaios farmacológicos, microbiológicos e de mutagenicidade preliminares com extratos ou chás, realiza triagem fitoquímica em busca das classes de compostos presentes nos extratos ou chás, prossegue com o isolamento e identificação estrutural dos componentes neles presentes e utiliza os componentes ou frações enriquecidas para a determinação dos prováveis mecanismos de ação farmacológica envolvida com a atividade detectada. Este projeto propõe dar continuidade ao estudo químico-farmacológico integrado de extratos de plantas, desta vez investigando as espécies que compõe o Bioma Cerrado do Estado de São Paulo comparativamente ao Bioma Cerrado do Estado de Tocantins, o qual estamos estudando há algum tempo. Para o desenvolvimento da parte fitoquímica pretende-se utilizar as técnicas cromatográficas usuais de um laboratório de fitoquímica, principalmente aquelas desenvolvidas para análise de substâncias polares (GPC, XAD2, DCCC, HSCC, HPLC, etc) e determinação estrutural por métodos espectroscópicos (EM, UV, IV e RMN). Na avaliação das atividades biológicas serão investigados os possíveis efeitos tóxicos e genotóxicos da espécie. Paralelamente, serão testadas a atividade antimicrobiana dos extratos e de princípios ativos purificados, bem como desenvolvidos modelos clássicos de indução de úlcera, algesia e inflamação em animais de laboratório, os quais mimetizam estas injúrias no homem. Através desses modelos, verificar-se-á rapidamente a ausência ou presença das atividades-alvo. Para a avaliação da atividade antimicrobiana, os extratos serão testados frente a modelos de bactérias Gram negativas e Gram positivas e também sobre o gênero Mycobacterium, com ênfase ao agente etiológico da tuberculose, o M. tuberculosis. A determinação da atividade antiulcerogênica será investigada através dos efeitos das substâncias isoladas ou presentes em frações enriquecidas sobre receptores, enzimas e substâncias produzidas em resposta a agressões da mucosa, dentre as quais destaca-se a expressão de novas proteínas relacionadas à reparação de lesões na mucosa, como o fator de crescimento epidermal (EGF). Paralelamente, ensaios de atividade antioxidante (aquela intrinsecamente ligada a alguns mecanismos de atividade antiúlcera), além dos ensaios clássicos de detecção de muco, prostaglandina, somatostatina, gastrina e de antagonismo aos receptores envolvidos com a secreção ácida gástrica, também serão realizados. Serão realizados também ensaios contra He/ycobacter pilory, o mais importante patógeno bacteriano em humanos envolvido nos processos de úlceras pépticas. Finalmente, serão realizados ensaios para detectar a produção de No, H2O2 e TNF serão realizados com extratos, substâncias e frações enriquecidas para avaliar suas atividades imunoestimulantes. (AU)

Publicações científicas (12)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE PAULA VASCONCELOS, PAULO CESAR; SEITO, LEONARDO NOBORU; DI STASI, LUIZ CLAUDIO; HIRUMA-LIMA, CLELIA AKIKO; PELLIZZON, CLAUDIA HELENA. Epicatechin Used in the Treatment of Intestinal Inflammatory Disease: An Analysis by Experimental Models. Evidence-based Complementary and Alternative Medicine, 2012. Citações Web of Science: 4.
HIGUCHI, C. T.; SANNOMIYA, M.; PAVAN, F. R.; LEITE, S. R. A.; SATO, D. N.; FRANZBLAU, S. G.; SACRAMENTO, L. V. S.; VILEGAS, W.; LEITE, C. Q. F. Byrsonima fagifolia Niedenzu Apolar Compounds with Antitubercular Activity. Evidence-based Complementary and Alternative Medicine, 2011. Citações Web of Science: 7.
LOPES, FLAVIA C. M.; CALVO, TAMARA R.; COLOMBO, LUCAS L.; VILEGAS, WAGNER; CARLOS, IRACILDA Z. Immunostimulatory and cytotoxic activities of Indigofera suffruticosa (Fabaceae). NATURAL PRODUCT RESEARCH, v. 25, n. 19, p. 1796-1806, 2011. Citações Web of Science: 10.
CARLI, CAMILA B. DE A.; DE MATOS, DJAMILE C.; LOPES, FLAVIA C. M.; MAIA, DANIELLE C. G.; DIAS, MARISTELA B.; SANNOMIYA, MIRIAM; RODRIGUES, CLENILSON M.; ANDREO, MARCIO A.; VILEGAS, WAGNER; COLOMBO, LUCAS L.; CARLOS, IRACILDA Z. Isolated Flavonoids against Mammary Tumour Cells LM2. ZEITSCHRIFT FUR NATURFORSCHUNG SECTION C-A JOURNAL OF BIOSCIENCES, v. 64, n. 1-2, p. 32-36, JAN-FEB 2009. Citações Web of Science: 12.
FERNANDO ROGÉRIO PAVAN; CLARICE QUEICO FUJIMURA LEITE; ROBERTA GOMES COELHO; ISABEL DUARTE COUTINHO; NELI KIKA HONDA; CLAUDIA ANDRÉA LIMA CARDOSO; WAGNER VILEGAS; SERGIO ROBERTO DE ANDRADE LEITE; DAISY NAKAMURA SATO. Evaluation of anti-Mycobacterium tuberculosis activity of Campomanesia adamantium (Myrtaceae). Química Nova, v. 32, n. 5, p. 1222-1226, 2009.
SERPELONI, JULIANA MARA; DOS REIS, MARIANA BISARRO; RODRIGUES, JULIANA; DOS SANTOS, LOURDES CAMPANER; VILEGAS, WAGNER; VARANDA, ELIANA A.; DOKKEDAL, ANNE L.; COLUS, ILCE MARA S. In vivo assessment of DNA damage and protective effects of extracts from Miconia species using the comet assay and micronucleus test. MUTAGENESIS, v. 23, n. 6, p. 501-507, NOV 2008. Citações Web of Science: 29.
RODRIGUES‚ C.M.; RINALDO‚ D.; SANNOMIYA‚ M.; SANTOS‚ L.C.; MONTORO‚ P.; PIACENTE‚ S.; PIZZA‚ C.; VILEGAS‚ W. High-performance liquid chromatographic separation and identification of polyphenolic compounds from the infusion of Davilla elliptica St. Hill. Phytochemical Analysis, v. 19, n. 1, p. 17-24, 2008.
RODRIGUES, CLENILSON M.; RINALDO, DANIEL; SANTOS, LOURDES C. DOS; MONTORO, PAOLA; PIACENTE, SONIA; PIZZA, COSIMO; HIRUMA-LIMA, CLÉLIA A.; BRITO, ALBA R. M. SOUZA; VILEGAS, WAGNER. Metabolic fingerprinting using direct flow injection electrospray ionization tandem mass spectrometry for the characterization of proanthocyanidins from the barks of Hancornia speciosa. Rapid Communications in Mass Spectrometry, v. 21, n. 12, p. 1907-1914, June 2007.
FLÁVIA CRISTINE MASCIA LOPES; MARISA CAMPOS POLESI PLACERES; CLESO MENDONÇA JORDÃO JUNIOR; CÉLIO TAKASHI HIGUCHI; DANIEL RINALDO; WAGNER VILEGAS; CLARICE QUEICO FUJIMURA LEITE; IRACILDA ZEPPONE CARLOS. Immunological and microbiological activity of Davilla elliptica St. Hill. (Dilleniaceae) against Mycobacterium tuberculosis. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz, v. 102, n. 6, p. 769-772, Set. 2007.
SANNOMIYA, MIRIAM; SANTOS, LOURDES CAMPANER DOS; CARBONE, VIRGINIA; NAPOLITANO, ASSUNTA; PIACENTE, SONIA; PIZZA, COSIMO; SOUZA-BRITO, ALBA R. M.; VILEGAS, WAGNER. Liquid chromatography/electrospray ionization tandem mass spectrometry profiling of compounds from the infusion of Byrsonima fagifolia Niedenzu. Rapid Communications in Mass Spectrometry, v. 21, p. 1393-1400, 2007.
HIRUMA-LIMA, CLÉLIA AKIKO; CALVO, TAMARA ROBERTA; RODRIGUES, CLENILSON MARTINS; ANDRADE, FÁBIO DONIZETE PEZZUTO; VILEGAS, WAGNER; BRITO, ALBA REGINA MONTEIRO SOUZA. Antiulcerogenic activity of Alchornea castaneaefolia: Effects on somatostatin, gastrin and prostaglandin. Journal of Ethnopharmacology, v. 104, n. 1/2, p. 215-224, Mar. 2006.
SANNOMIYA, MIRIAM; MONTORO, PAOLA; PIACENTE, SONIA; PIZZA, COSIMO; BRITO, ALBA R. M. S.; VILEGAS, WAGNER. Application of liquid chromatography/electrospray ionization tandem mass spectrometry to the analysis of polyphenolic compounds from an infusion of Byrsonima crassa Niedenzu. Rapid Communications in Mass Spectrometry, v. 19, p. 2244-2250, 2005.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.