Busca avançada
Ano de início
Entree

High density genome wide genotyping on a pedigree of AIRmin and AIRmax mice to map and characterize new loci involved in lung and intestinal tumour development

Processo: 17/50407-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2018 - 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunogenética
Proposta de Mobilidade: SPRINT - Projetos de pesquisa - Mobilidade
Pesquisador responsável:Olga Celia Martinez Ibanez
Beneficiário:Olga Celia Martinez Ibanez
Pesq. responsável no exterior: Tommaso Antonio Dragani
Instituição no exterior: Istituto Nazionale per lo Studio e la Cura dei Tumori, Itália
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:16/07007-9 - Análise do efeito fenotípico de SNPs situados no locus Irm1 que regula a produção de IL-1beta em camundongos, AP.R
Assunto(s):Predisposição genética para doença  Neoplasias pulmonares  Resposta inflamatória  Técnicas de genotipagem  Genomas  Transcriptoma  Expressão gênica  Cooperação internacional 

Resumo

Duas linhagens não isogênicas de camundongos, selecionadas fenotipicamente para resistência (AIRmin) e susceptibilidade (AIRmax) à resposta inflamatória aguda (AIR) mostram susceptibilidade/resistência diferencial ao desenvolvimento de vários tipos de tumores após tratamento com carcinógenos químicos. No Instituto Butantan foi produzida uma população intercruzada destes animais (AIRmax x AIRmin) F2 e tratada com o carcinógeno químico dimetilhidrazina, que induz tumores no pulmão e no intestino. Graças à colaboração com o Instituto Nazionale dei Tumori na Itália, o presente projeto tem o objetivo de realizar a genotipagem em alta densidade em todo o genoma com a técnica inovadora 2B_RAD para mapear loci genéticos que modulam múltiplos fenótipos: susceptibilidade genética individual a câncer de pulmão e de intestino e a inflamação aguda. Além disso, está planejado realizar análise de transcriptoma em tecido de tumores de pulmão e mapear loci que regulam características quantitativas (QTL) que modulam o nível de expressão de genes (QTL) relacionados ao fenótipo de tumor pulmonar. No conjunto, resultados do projeto irão fornece um melhor conhecimento da relação entre variação genômica, predisposição genética individual à tumorigênese e controle de expressão gênica em tumores. (AU)