Busca avançada
Ano de início
Entree

Anatomia e ultraestrutura de ácaros de interesse agrícola e ambiental

Processo: 18/13241-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 01 de julho de 2019 - 30 de junho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Elliot Watanabe Kitajima
Beneficiário:Elliot Watanabe Kitajima
Pesquisador visitante: Antonella Marta di Palma
Inst. do pesquisador visitante: Università degli Studi di Foggia, Itália
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba, SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/08458-9 - Vírus de plantas transmitidos por Brevipalpus (Acari: Tenuipalpidae) - VTB: levantamento, identificação, caracterização molecular, filogenia; relações vírus/vetor/hospedeira; biologia, taxonomia e manejo do vetor, AP.TEM
Assunto(s):Acarologia  Mesostigmata  Microscopia eletrônica de varredura  Intercâmbio de pesquisadores 

Resumo

Resumo do projetoEstá sendo solicitado um auxílio no quesito "Programa de Pesquisador Visitante" da FAPESP, para proporcionar a vinda por 12 meses, da pesquisadora italiana, Dra. Antonella Di Palma, especialista em anatomia e ultraestrutura de ácaros. Durante sua estada deverá desenvolver pesquisas em caráter cooperativo com grupos estabelecidos de pesquisa em acarologia na Esalq/USP e no Ibilce/Unesp SJRP. Na Esalq os trabalhos propostos fazem parte de um projeto temático sobre ácaros tenuipalpídeos Brevipalpus, coordenado por E.W. Kitajima, solicitante deste auxílio, e de ácaros edáficos, dentro do programa Biota, sob responsabilidade de G.J. Moraes. Com o grupo de A. Lofêgo, do Ibilce/Unesp, Dra. Di Palma trabalhará com ácaros Tarsonmídeos, que faz parte da linha de pesquisa deste grupo. Os trabalhos com ácaros Brevipalpus visa esclarecer detalhes anatômicos e ultraestruturais da espermateca, um órgão cuja morfologia é importante na taxonomia deste grupo, cuja variabilidade parece ser congruente com as clades determinadas. Procurar-se-á confirmar se realmente não há fertilização após a cópula, pela presença ou ausência de espermatozoides na espermateca e no ovário, fato relacionado ao processo de reprodução destes ácaros que é tida como partenogetico-telítoca.Com o grupo do prof. Moraes, os trabalhos concentrar-se-ão com ácaros Mesostigmatas com os quais este grupo vem trabalhando de longa data. Pretende-se redescrever algumas espécies de Lasioseius baseado na morfologia, e também identificar espécies das famílias Ascidae, Blattisociidae e Melicharidae. Um trabalho adicional será o estudo do gnatossoma do ácaro da palmeira Raoiella indica, recém-introduzida no país e que está se disseminando rapidamente, para avaliar seu comportamento na alimentação.Detalhes de setas dorsais modificadas de alguns ácaros Tarsonemídeos será o tema a ser explorado com o grupo de A. Lofêgo, a fim de entender sua função, e faz parte da linha de pesquisa deste grupo de acarologia do Ibilce/Unesp. Além destas pesquisas, Dra. Di Palma deverá ministrar um curso sobre anatomia de ácaros dentro da PG Entomologia, na disciplina de Acarologia, sob responsabilidade de G.J. Moraes. Acha-se planejado um programa de visitas a vários centros de acarologia no país, a fim de divulgar noções de anatomia de ácaros e de estabelecer novas conexões de pesquisa.Dra. Di Palma, já esteve entre nós, com apoio da Fapesp, em fins de 2013 por 3 meses, em pesquisa cooperativa com o grupo de E.W. Kitajima e G.J. Moraes, e a estada solicitada representa uma extensão dos trabalhos então iniciados.Espera-se que a estada da Dra. Di Palma crie interesses na área de anatomia/ultrestrutura de ácaros entre nós e consolide a influência de estudos morfo-anatomicos na compreensão da biologia, ecologia e evolução de ácaros de interesse agrícola e ambiental e os laços de cooperação científica entre ela e a comunidade de acarologia do Brasil. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.