Busca avançada
Ano de início
Entree

IV Simpósio de Desenvolvimento Infantil da UFSCar

Resumo

O Simpósio de Desenvolvimento Infantil da UFSCar tem como objetivo principal divulgar conhecimento científico produzido por docentes e pesquisadores de destaque nacional e internacional na área de desenvolvimento infantil. Mais especificamente, este evento pretende reunir a cada dois anos pesquisadores brasileiros e estrangeiros que vêm contribuindo para o avanço da ciência do desenvolvimento humano, em especial, explorando novas frentes de trabalho e pesquisa. Nas três primeiras edições do evento (2012, 2014 e 2016), o comparecimento tanto de estudantes (de graduação e pós-graduação) como de pesquisadores e profissionais provenientes de diferentes regiões do estado de São Paulo sugere que há um grande interesse da comunidade interna e externa à UFSCar pelos avanços recentes da pesquisa sobre desenvolvimento infantil. Nesta quarta edição do evento, o foco principal será o papel das interações entre genética e ambiente no desenvolvimento. O crescimento da identificação precoce de crianças com o Transtorno do Espectro Autista (e a utilização de novas estratégias de intervenção voltada pra essa população), a ampliação dos estudos sobre os efeitos do álcool e do zika vírus no desenvolvimento infantil e a consolidação dos grupos de pesquisa que estudam os efeitos dos teratógenos têm subsidiado decisões de amplo impacto nas políticas públicas destinadas à primeira infância. Considerando o documento sobre a Estratégia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (Encti) 2016/2022, entendemos que iniciativas como a do IV Simpósio de Desenvolvimento Infantil da UFSCar estão em consonância com os objetivos previstos para as ciências e tecnologias sociais, na direção de produzir e difundir conhecimento científico que possa ser utilizado na elaboração de políticas públicas que garantam inclusão produtiva e social, investimento na primeira infância e melhoria na qualidade de vida de indivíduos ao longo de todo o ciclo do desenvolvimento humano. Este evento faz parte do Programa Ci (AU)