Busca avançada
Ano de início
Entree

Novas abordagens terapêuticas para o câncer de bexiga não-músculo invasivo (CBNMI): uso intravesical do modificador de resposta biológica OncoTherad e sua associação com o plasma rico em plaquetas (PRP)

Processo: 18/10052-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2018 - 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Anatomia
Pesquisador responsável:Wagner José Fávaro
Beneficiário:Wagner José Fávaro
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:Ângela Cristina Malheiros Luzo ; Athanase Billis ; Nelson Eduardo Duran Caballero
Assunto(s):Urologia  Plasma rico em plaquetas  Nanotecnologia  Neoplasias da bexiga 

Resumo

O câncer de bexiga urinária (CB) representa a segunda doença maligna mais comum do trato urinário, e uma das neoplasias que apresentam os maiores custos para o Sistema Único de Saúde. O tratamento primário do câncer de bexiga não-músculo invasivo (CBNMI) baseia-se no tratamento cirúrgico através da ressecção transuretral, seguido da imunoterapia intravesical com Bacillus Calmette-Guerin (BCG), para diminuição da recidiva e prevenção da progressão tumoral. Entretanto, a utilização do BCG está associada à efeitos colaterais de intensidades variadas, desde sintomas irritativos leves até reação sistêmica grave, o que contribui para a interrupção do tratamento além de apresentar um índice de recorrência pós-tratamento de até 30%. Desta forma, o desenvolvimento de novas terapias para o tratamento do CBNMI, que sejam mais eficazes e apresentem menores efeitos adversos que as terapias clássicas, são muito relevantes. Considerando a importância do desenvolvimento de fármacos que possam ser administrados por via intravesical e que atuem como moduladores do sistema imune, nosso grupo de pesquisa desenvolveu um composto sintético nanoestruturado com propriedades antitumorais e imunológicas, denominado OncoTherad (MRB-CFI-1 - Modificador de Resposta Biológica - Complexo Fosfato Inorgânico 1). Os estudos iniciais do nosso grupo demonstraram que no tratamento do CBNMI induzido quimicamente em ratos com o OncoTherad houve regressão significativa do tumor, indicando um importante efeito antitumoral deste composto envolvendo a via de sinalização para interferon mediada por receptores Toll-like (TLRs) 2 e 4. Além disso, o uso de grupos fosfato pode exercer uma série de atividades biológicas, uma vez que polifosfatos (PolyP) são secretados por plaquetas ativadas e mastócitos, interferindo na coagulação e resposta imune inata. Considerando a importância da modulação dos receptores do sistema imune por estas espécies de fosfato e suas relações com plaquetas ativadas, nosso grupo de pesquisa investigou a importância do Plasma Rico em Plaquetas (PRP) na modulação desses receptores, e verificou que o PRP foi capaz de exercer efeitos antitumorais mediados pelo sistema imune. Assim, os objetivos principais deste estudo serão caracterizar os efeitos histopatológicos e moleculares do complexo nanoestruturado OncoTherad associado ao PRP no tratamento do CBNMI induzido quimicamente em camundongos, bem como estabelecer os possíveis mecanismos de ação dessa associação terapêutica relacionando as vias de sinalização dos TLRs 2 e 4, vias de sinalização celular STAT/JAK1/JAK2 e RANK/RANKL/OPG; fatores de crescimento PDGF/ IGF-1/ TGF-²; e via de checagem do sistema imune PD-1/ PD-L1. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.