Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade taxonômica e composição das comunidades de epífitas vasculares: um estudo de caso na Floresta Atlântica do Sudeste do Brasil

Processo: 18/04121-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de outubro de 2018 - 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Botânica - Taxonomia Vegetal
Pesquisador responsável:Julio Antonio Lombardi
Beneficiário:Julio Antonio Lombardi
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Pesq. associados: Gabriel Mendes Marcusso
Assunto(s):Florística  Mata Atlântica  Espírito Santo 

Resumo

O presente projeto tem como objetivos inventariar e analisar a flora epifítica vascular em três Unidades de Conservação do estado do Espírito Santo, Sudeste do Brasil, buscando-se: a) conhecer a diversidade taxonômica e composição das comunidades das epífitas vasculares nessas Unidades de Conservação; b) avaliar se a diversidade e composição apresentam variação entre diferentes faixas altitudinais (ca. 400 a 1600 m); e c) avaliar se a composição e diversidade apresentam relação com fatores ambientais relacionados à altitude. Será efetuada coleta de material botânico nas áreas das Unidades de Conservação, as quais são pouco coletadas e que não possuem nenhum estudo do tipo deste aqui proposto. Procurar-se-á manter em casa de vegetação eventuais espécimes coletados estéreis, para obtenção de plantas em estado fértil, o que aumentará a qualidade e poder amostral do estudo. Esta proposta solicita recursos para a execução de projeto de pesquisa como parte de tese de doutorado de Gabriel Mendes Marcusso, iniciada em março de 2017 no Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas (Biologia Vegetal) da UNESP de Rio Claro. Em matéria de produção bibliográfica, além da tese esta proposta resultará também em artigos científicos na área de florística e fitogeografia. Advirá também deste projeto a coleta de grande número de espécimes a serem incorporados à coleção dos herbários brasileiros, contribuindo para o enriquecimento das coleções biológicas. (AU)