Busca avançada
Ano de início
Entree

A produção de IL-17 por células B em resposta a ArtinM é independente de sua interação com TLR2 e CD14

Processo: 18/19238-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de outubro de 2018 - 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Thiago Aparecido da Silva
Beneficiário:Thiago Aparecido da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Receptor 2 toll-like 

Resumo

ArtinM, uma lectina ligante de D-mannose oriunda de Artocarpus heterophyllus, ativa células apresentadoras de antígenos através do reconhecimento de N-glycanas de TLR2/CD14, induz a produção de citocinas, e promove imunidade do tipo Th1, um processo que desencadeia um papel no combate de infecções fúngicas. Recentemente, demonstramos que ArtinM estimula células T CD4 a produzirem IL-17 através da interação direta com CD3. Em seguida, investigamos os efeitos de ArtinM na produção de IL-17 após ativação de células B. Demonstramos que ArtinM ativa células B murinas, com aumento na produção das citocinas IL-17 e IL-12p40. O efeito direto de ArtinM foi suficiente para induzir a produção de IL-17 em células B, e os níveis de IL-17 não diferem entre as células B purificadas de camundongos WT e knockouts para TLR2 ou CD14 após o estímulo com ArtinM. Então, os efeitos de ArtinM em células B esplênicas através do reconhecimento de carboidratos podem contribuir na imunidade de perfil Th17, mas o mecanismo envolvido não está associado com a interação de ArtinM com TLR2 ou CD14. O presente trabalho é pioneiro na demonstração da indução de IL-17 em células B por lectinas. (AU)