Busca avançada
Ano de início
Entree

Impactos cumulativos da fragmentação de habitats em áreas de mineração

Processo: 18/12475-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2019 - 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Minas
Pesquisador responsável:Luis Enrique Sánchez
Beneficiário:Luis Enrique Sánchez
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Pesq. associados: Juliana Siqueira Gay ; Laura Jane Sonter
Assunto(s):Planejamento ambiental 

Resumo

A mineração impacta a vegetação nativa, tanto diretamente dentro das concessões de lavra como indiretamente em toda a paisagem para o desenvolvimento de infraestrutura. Esses impactos cumulativos afetam a biodiversidade por meio da perda de habitats, com consequências negativas que, em algum momento, se estendem para além dos limites de lavra. A mineração também fragmenta paisagens naturais, o que degrada ainda mais os habitats circundantes. Impactos da mineração na fragmentação do habitat é um assunto ainda pouco estudado, entretanto, é de extrema relevância mitigar as consequências negativas para a biodiversidade em regiões de floresta primária intacta, onde o desenvolvimento de novas minas exige infraestrutura para processamento e transporte de minérios. Dessa forma, propomos investigar processos de fragmentação de habitats em uma região importante para a conservação da biodiversidade e a extração mineral: a Reserva Nacional de Cobre e Associados (Renca). Especificamente, pretendemos quantificar o desmatamento histórico causado pela mineração e outros usos da terra dentro de 100 km do limite de Renca e usar essas informações para calibrar um modelo de mudança de uso espacialmente explícito para simular consequências de desenvolvimento alternativo e cenários regulatórios sobre fragmentação de habitat. Nossos resultados fornecerão considerações para avaliação de impactos cumulativos sobre a biodiversidade e, assim, informarão decisões governamentais e da iniciativa privada em torno de propostas futuras para permitir a mineração em áreas de biodiversidade. (AU)