Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de protótipo de célula combustível microbiana para a produção de bioeletricidade no tratamento de resíduos

Processo: 17/24524-0
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Programa BIOEN - Regular
Vigência: 01 de fevereiro de 2019 - 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária
Pesquisador responsável:Marcelo Antunes Nolasco
Beneficiário:Marcelo Antunes Nolasco
Instituição-sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Vitor Cano
Bolsa(s) vinculada(s):19/06266-9 - Caracterização físico-química de águas residuárias, BP.TT
Assunto(s):Geração de energia elétrica  Remoção de nutrientes  Bioeletromagnetismo  Células de combustível  Tratamento de águas residuárias 

Resumo

Este projeto será desenvolvido no contexto de uma Dissertação de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Sustentabilidade da Universidade de São Paulo. O foco principal está alinhado ao Programa BIOEN da FAPESP, principalmente porque é ciência interdisciplinar de inovação e abordado tecnologicamente, pelo menos em dois aspectos importantes: (1) produzir energia renovável sob a forma de bio-eletricidade, (2) pode usar resíduos ou águas residuárias para evitar a poluição do solo e das águas subterrâneas e superficiais. A vinhaça da produção de bioetanol serão utilizadas no MFC antes do uso em terras na produção de cana-de-açúcar. Isso significa que o uso de vinhaças em nossa célula de combustível microbiana pode ser associado à produção de cadeia de bioetanol, sem perturbar as práticas de aplicação da terra atuais e produzirá bioeletricidade. Isto significa importante contribuição para a ciência da Sustentabilidade, a fim de alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável - Agenda 2030 das Nações Unidas. (AU)