Busca avançada
Ano de início
Entree

Farmacocinética clínica em doenças infecciosas

Processo: 18/05616-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de fevereiro de 2019 - 31 de janeiro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Farmacologia Clínica
Pesquisador responsável:Vera Lúcia Lanchote
Beneficiário:Vera Lúcia Lanchote
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil
Pesquisadores principais:Eduardo Barbosa Coelho
Pesq. associados:Geraldo Duarte ; Guilherme Suarez Kurtz ; Lauro Wichert Ana ; Marcelo Dias Baruffi ; Oscar Della Pasqua ; Rosamar Eulira Fontes Rezende ; Silvia Regina Cavani Jorge Santos ; Valdes Roberto Bollela
Assunto(s):Farmacocinética  Farmacocinética clínica  Farmacogenética  Inflamação  Medicina de precisão 

Resumo

Este projeto reúne estudos de farmacocinética clínica e farmacogenética em doenças infecciosas causadas por bactérias, parasitas ou vírus, nas quais o componente inflamatório é predominante. O Subprojeto 1 elabora modelos farmacocinético-farmacodinâmico (PK-PD) de antibióticos em pacientes com tuberculose incluindo dados oriundos do plasma e de macrófagos infectados com cepas de M. tuberculosis. O Subprojeto 2 avalia a influência da hepatite C crônica na atividade do CYP1A2, CYP2C9, CYP2C19, CYP2D6 e CYP3A4 e dos transportadores BCRP, OATP1B1, OCT1 e P-gp em pacientes com diferentes graus de fibrose hepática, abrangendo a previsão de interações fármaco-doença. O Subprojeto 3 avalia a influência da gravidez associada com HIV na atividade dos transportadores P-gp, BCRP e OATP em pacientes em tratamento com raltegravir, empregando modelo farmacocinético baseado em fisiologia (PBPK) com o objetivo de identificar a variabilidade na PK do raltegravir na gravidez. O Subprojeto 4 elabora modelos PK-PD para antimicrobianos em pacientes críticos queimados em choque séptico incluindo dados da exposição plasmática e da atividade desses agentes in vitro-in vivo, possibilitando a substituição da dose inicial empírica pela dose ajustada. O Subprojeto 5 investiga a atividade fenotípica das enzimas CYP1A2, CYP2C9, CYP2C19, CYP3A4 e CYP2D6 em pacientes com malária por Plasmodium vivax, permitindo avaliar o risco de ineficácia ou de toxicidade de medicamentos associadas à doença parasitária. O Subprojeto 6 avalia a integridade da barreira hematoencefálica usando SPECT com 99mTc-DTPA e a monitorização das concentrações de anfotericina B no LCR de pacientes com neurocriptococose, empregando PBPK como modelo de predição. Os dados obtidos nos seis subprojetos serão aplicados em medicina de precisão. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.