Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento e estudo de materiais eletro-cerâmicos com interesse tecnológico

Processo: 18/24352-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Brasil
Vigência: 01 de março de 2019 - 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Antônio Carlos Hernandes
Beneficiário:Antônio Carlos Hernandes
Pesquisador visitante: Jose de Los Santos Guerra
Inst. do pesquisador visitante: Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Instituto de Física, Brasil
Instituição-sede: Instituto de Física de São Carlos (IFSC). Universidade de São Paulo (USP). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Armazenamento de energia  Estado sólido  Cerâmica avançada 

Resumo

Este projeto apresenta uma proposta de pesquisa baseada na síntese e caracterização das propriedades físicas de materiais eletro-cerâmicos para aplicação em dispositivos eletrônicos. Os materiais objeto de estudo, serão sistemas ferroelétricos e antiferroelétricos obtidos via sinterização, partindo de pós cerâmicos processados convencionalmente e via o método químico de precursores poliméricos (Pechini modificado). A aplicação de diferentes procedimentos de síntese visa otimizar os parâmetros físicos das propriedades mais relevantes no intuito de obter sistemas com alta densificação visando a melhor resposta para os dispositivos em aplicação (armazenamento de energia). A análise dos resultados obtidos, relativos à determinação das propriedades físicas dos materiais propostos, será feita de maneira objetiva, tentando enquadrá-los dentro das teorias correntes reportadas na literatura científica, e se possível, propor novas interpretações que levem ao entendimento dos fenômenos observados. De posse desses resultados, poderá ser realizada uma avaliação crítica dos materiais em estudo para a possibilidade de aplicação prática. Por outro lado, com o desenvolvimento deste projeto poderá ser consolidada uma linha de pesquisa direcionada especificamente ao estudo de sistemas cerâmicos ferroelétricos/antiferroelétricos, para aplicação em sistemas com alta eficiência de armazenamento energético, contribuindo substancialmente com o desenvolvimento de novos dispositivos eletroeletrônicos comercialmente viáveis e comprometidos com a preservação do meio ambiente. (AU)