Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das principais variáveis condicionantes que afetam a qualidade do biocombustível: da produção à estocagem

Processo: 18/16156-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de março de 2019 - 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Ana Lúcia Gabas
Beneficiário:Ana Lúcia Gabas
Instituição-sede: Escola de Engenharia de Lorena (EEL). Universidade de São Paulo (USP). Lorena , SP, Brasil
Pesq. associados:Adriano Francisco Siqueira ; Domingos Sávio Giordani ; Heizir Ferreira de Castro ; Maria Lucia Caetano Pinto da Silva ; Mariana Pereira de Melo
Assunto(s):Engenharia ambiental  Nariz eletrônico  Óleos 

Resumo

A reutilização de óleos e gorduras vegetais residuais (OGR) de processos de fritura de alimentos tem sido utilizado como uma boa alternativa para a produção de biocombustível, uma vez que aproveita o óleo vegetal como matéria-prima para essa produção, após a sua utilização na cadeia alimentar, agregando valor a esse resíduo e diminuindo o impacto causado ao meio ambiente. Esse projeto visa desenvolver uma metodologia de avaliação da qualidade do biodiesel produzido a partir de óleo e gordura residual (OGR) proveniente da fritura de alimentos, bem como determinar a sua estabilidade durante a estocagem. As principais variáveis condicionantes que afetam a produção e a estocagem desse biocombustível serão estudadas, tais como: matéria-prima, rotas tecnológicas, processos de purificação e estabilidade oxidativa, que serão correlacionadas com a qualidade do produto final através do perfil olfativo e de acordo com as normas da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O nariz eletrônico será utilizado como instrumento de medida alternativa para a determinação de características importantes no processo, além das técnicas de análise multivariada para a interpretação dos resultados a serem obtidos. Esta pesquisa permitirá o desenvolvimento de uma nova metodologia de análise para a identificação antecipada de matérias-primas, que garantirão a qualidade final e estocagem de um biocombustível de grande importância para o país, com considerável redução do tempo e sem a necessidade de se utilizar equipamentos sofisticados e de alto custo. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.