Busca avançada
Ano de início
Entree

Epidemiologia molecular de enterobactérias resistentes aos carbapenêmicos e estudo da colonização intestinal como risco de infecção e disseminação por enterobactérias produtoras de carbapenemases

Processo: 18/19243-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de abril de 2019 - 31 de março de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Patricia Severino
Beneficiário:Patricia Severino
Instituição-sede: Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein (IIEPAE). Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein (SBIBAE). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados: Fernando Gatti de Menezes ; Marinês Dalla Valle Martino
Assunto(s):Infecção hospitalar  Epidemiologia molecular  Klebsiella pneumoniae  Tipagem de sequências multilocus  Enterobacteriaceae 

Resumo

A resistência bacteriana é um problema de saúde pública mundial. As bactérias multirresistentes (MDR) são de difícil erradicação e rápida disseminação, ocasionando mortes e surtos de infecção em ambientes hospitalares. No Brasil, enterobactérias resistentes aos carbapenêmicos (ERC), principalmente produtoras de KPC (ERC KPC) são consideradas epidêmicas e as taxas de mortalidade por ERC chegam a 48%. Esta panorâmica tende a se agravar com a carência de novos antibióticos. Neste contexto, estudos que contribuam para o controle da disseminação de bactérias MDR são necessários. Assim, o objetivo deste trabalho é identificar clones endêmicos e esporádicos presentes em dois hospitais da cidade de São Paulo que possuem políticas distintas quanto ao uso de antimicrobianos e à vigilância epidemiológica, através da caracterização molecular das ERC, avaliando também a natureza da transmissão de elementos de resistência no decorrer do tempo através do sequenciamento de genomas. Pretende-se ainda determinar a carga intestinal relativa de ERC e ERC KPC e relacioná-la com os riscos de desenvolvimento de infecções e/ou transmissão com o objetivo de contribuir com estratégias de prevenção e controle de infecções principalmente por ERC KPC. (AU)