Busca avançada
Ano de início
Entree

Modelagem matemática e computacional da dinâmica espacial bidimensional da propagação da dengue

Processo: 18/03116-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2019 - 30 de abril de 2021
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Fernando Luiz Pio dos Santos
Beneficiário:Fernando Luiz Pio dos Santos
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Pesq. associados: Mostafa Bendahmane
Assunto(s):Controle  Método dos elementos finitos  Dengue  Biomatemática 

Resumo

A dengue é um problema de saúde pública atualmente em todo o mundo. Especialmente no Brasil, a incidência está aumentando e é objeto de pesquisa intensa. As estratégias de controle aplicadas pelas instituições governamentais não estão sendo eficazes na redução da população de mosquitos da dengue. Dessa forma, o principal objetivo deste trabalho é investigar a propagação da doença da dengue no Brasil, aplicando uma estratégia de controle na população do vetor transmissor. Para isso, propomos um modelo matemático descrito por um sistema de Equações Diferenciais Parciais (EDPs) parabólicas que descreve a dinâmica de propagação do vetor da dengue ao longo tempo e em duas dimensões espaciais contínuas, bem como a interação com a população de humanos. Também propomos uma estratégia de controle ótimo, considerando diferentes cenários da propagação da dengue no Brasil. O modelo é resolvido numericamente aplicando o método de elementos finitos. A partir dos resultados numéricos obtidos nesta investigação, esperamos entender o processo de propagação da dengue, visualizando a variação espacial das densidades populacionais de humanos e de mosquitos infectados nos diferentes cenários da doença para estabalecer a estratégia de controle otimizada na população de mosquitos. Espera-se ao final, contribuir na produção do conhecimento e no desenvolvimento de uma nova ferramenta capaz de gerar novas informações para ações efetivas na prevenção e no controle da doença. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ADIMY, MOSTAFA; MANCERA, PAULO F. A.; RODRIGUES, DIEGO S.; SANTOS, FERNANDO L. P.; FERREIRA, CLAUDIA P. Maternal Passive Immunity and Dengue Hemorrhagic Fever in Infants. Bulletin of Mathematical Biology, v. 82, n. 2 JAN 28 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.