Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito da desnutrição proteica sobre a hematopoese: participação das células endoteliais medulares e ação do fator estimulador de colônias granulocíticas (G-CSF)

Processo: 18/25813-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de junho de 2019 - 31 de maio de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Ricardo Ambrósio Fock
Beneficiário:Ricardo Ambrósio Fock
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesq. associados:Primavera Borelli Garcia
Assunto(s):Hematologia  Medula óssea  Células-tronco mesenquimais  Células-tronco hematopoéticas  Desnutrição proteica  Hematopoese 

Resumo

A hematopoese ocorre na medula óssea (MO) em regiões chamadas de microambientes, que modulam os processos de diferenciação, proliferação e auto-renovação da célula tronco hematopoética (CTH). Nos últimos anos a literatura tem chamado atenção para o papel das células endoteliais medulares em possuírem capacidade de modular e sustentar a hematopoese, associado às células endoteliais, também se destaca o papel das células tronco mesenquimais na formação desses microambientes indutiveis, sendo que ambas possuem atuação, quer seja por contato direto ou mesmo pela síntese de mediadores capazes de modular as células hematopoéticas. Diante do exposto, e baseado em dados prévios que comprovam que desnutrição proteica compromete a hematopoese desencadeando um quadro de hipoplasia medular com comprometimento da produção e maturação das células hematopoéticas, principalmente da linhagem granulocítica, esse projeto tem como objetivo desvendar alguns aspectos regulatórios da hematopoese comprometidos na desnutrição proteica, priorizando o estudo dos mecanismos envolvidos na participação das células endoteliais, bem como sua a mediação via fator de crescimento granulocítico sobre a regulação da hematopoese. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.