Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão de proteínas relacionadas à defesa do genoma em células germinativas masculinas e a dinâmica do Nuage

Processo: 19/12382-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de julho de 2019 - 31 de dezembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Embriologia
Pesquisador responsável:Taiza Stumpp Teixeira
Beneficiário:Taiza Stumpp Teixeira
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Retroelementos  Células germinativas  Ratos 

Resumo

Durante a reprogramação epigenética, as células germinativas ativam mecanismos alterantivos para manter a repressão dos retrotransposons. Este mecanismo envolve o recrutamento de proteínas de defesa do genoma como MAEL, PIWIL4 e TDRD9, que se associam com piRNAs e promovem o silenciamento de Line-1. MAEL, PIWIL4 e TDRD( formam os piP-bodies, cuja organização edinâmica variam de acordo com a reprogramação epigenética das células germinativas. Embora esses mecaninsmos venham sendo bem documentados em camundongos, não se sabe como eles operam no rato. Assim, o objetivo do presente estudo foi descrever a distribuição a a interação de MAEL, PIWIL4, TDRD9 e DAZL durante o desenvolvimento das células germinativas e verificar se a localização espacífica destas proteínas está relacionada com a distribuição de agregados de Line-1. Gônadas embrionárias de rato aos 15, 16 e 19 dias pós-coito (dpc) foram submetidas a imunomarcação de MAEL, PIWIL4, TDRD9 e DAZL. As gônadas dos embriões de 19dpc foram submetidas à dupla imuno-fluorescência de MAEL/DAZL, TDRD9/MAEL e PIWIL4/MAEL. Também aos 19dpc as gônadas forma submetidas à co-imunoprecipitação e hibridização in situ para detecção de Line-1. MAEL e TDRD9 mostraram padrnao de localização muito similar em todas as idades, enquanto DAZL e PIWIL4 mostraram distribuição específica, com PIWIL4 mostrando mudança de localização do núcleo para o citoplasma ao final da fase de reprogrmação epigenética. Nos gonócitos quiescentes, aos 19dpc, todas as proteínas analisadas colocalizaram um nuage adjacente ao núcleo. DAZL mostrou interação com com PIWIL4 e MAEL, sugerindo que DAZL age com essas proteínas para reprimir a expressão de Line-1. TDRD9, no entanto, não mostrou interação com DAZL ou MAEL apesar de sua colocalização. Agregados de Line-1 foram detectados predominantemente na periferia nuclear, embora sua distribuição não tenha sido homogênea, conforme observado para o nuage. Esses resultados nos levam a concluir que o nuage dos gonócitos quiescentes de rato apresentam organizção particular que pode estar relacionada à organização de agregados de Line-1. Conclui-se também que a proteína DAZL estea associada à maqueinaria de defesa do genoma para repressão de Line-1. (AU)