Busca avançada
Ano de início
Entree

Obesidade como um agente inflamatório pode ocasionar alterações celulares no leite humano devido às ações das adipocinas leptina e adiponectina

Processo: 19/09999-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de agosto de 2019 - 31 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Luiz Carlos de Abreu
Beneficiário:Luiz Carlos de Abreu
Instituição-sede: Centro Universitário Saúde ABC. Fundação do ABC. Santo André , SP, Brasil
Assunto(s):Adiponectina  Obesidade 

Resumo

A adiponectina e a leptina desempenham papéis fundamentais no controle da fome, e podem induzir ao processo inflamatório, que é o mecanismo inicial da resposta imunológica inata. É possível que as alterações nos níveis dessas adipocinas, comprometam a atividade funcional dos fagócitos do colostro humano. Portanto, o objetivo deste estudo é analisar os efeitos da adiponectina e da leptina sobre as células mononucleares do colostro (MN). O colostro foi coletado de 80 doadores saudáveis, os quais foram divididos em dois grupos: o grupo controle e de elevado índice de massa corporal (IMC). As células MN foram usadas para analisar a fagocitose por citometria de fluxo e os ensaios de espécies reativas de oxigênio (EROS), cálcio intracelular e apoptose foram avaliados por fluorimetria, usando um leitor de microplacas. As adipocinas restauraram os níveis de fagocitose para o grupo com elevado IMC (p<0,05), com um mecanismo dependente da ação da liberação de EROS e do cálcio intracelular. No entanto, a adiponectina e a leptina contribuíram, simultaneamente, para uma melhor atividade microbicida, refletindo um aumento no nível de apoptose (p <0,05) no grupo com alto IMC. Provavelmente, a manutenção do equilíbrio entre os níveis de adiponectina e leptina aumenta a proteção e diminui os índices de infecção neonatal nos bebês amamentados por mulheres com altos valores de IMC. Portanto, políticas que apoiam o controle de peso pré-gestacional devem ser encorajadas. (AU)