Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento, caracterização e avaliação da capacidade de osteointegração de cimento poroso à base de polimetilmetacrilato associado a diferentes formulações de estrôncio

Resumo

O tratamento de tumores ósseos, infecção e traumatismos frequentemente cria defeitos ósseos que necessitam preenchimento para evitar fraturas e promover a remodelação óssea. Devido às limitações do autoenxerto, vários substitutos ósseos estão sendo desenvolvidos com características diferentes. O cimento poroso à base de PMMA, desenvolvido previamente (auxílio FAPESP nº 2012/18965-0), apresenta características mecânicas semelhantes ao osso esponjoso, é biocompatível e atóxico. Além disso, em estudos em animais de experimentação, apresentou altas taxas de osteointegrção e invasão óssea. Com o intuito de potencializar estas características biológicas, é proposto, neste estudo, a combinação deste cimento com diferentes formas e concentrações de estrôncio que é reconhecidamente um estimulador da osteogênese.Nanopartículas de fosfatos e carbonatos de estrôncio com estequiometria variada que possibilitem a liberação controlada de estrôncio serão sintetizadas e combinadas ao cimento poroso. Na caracterização química serão avaliadas a composição e estrutura cristalina das partículas, tal como o perfil de eliminação do estrôncio. Na caracterização física será avaliada a morfologia, densidade, tempo de cura, temperatura máxima durante a cura, características mecânicas e estruturais. Nas avaliações in vitro serão realizados ensaios de citotoxicicade e aptoptose e determinadas alterações genéticas relacionadas com osteoindução e inibição de osteoclastos. Nas avaliações in vitro será estudada a osteointegrção e invasão óssea do cimento poroso implantado em defeitos criados em ossos de coelhos por histologia, munohistoquímica, micro-CT e ensaios mecânicos de arrancamento.Esperamos desenvolver um cimento ósseo à base de PMMA e estrôncio, poroso, com macroporos interconectados, atóxico e biocompatível que possa ser modelado intraoperatoriamente e que elimine os íons de estrôncio de forma controlada. Além disso, esperamos que esta eliminação de estrôncio potencialize a capacidade de osteointegração e de invasão óssea. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
TOMAZELA, LARISSA; EUFRASIO CRUZ, MARCOS ANTONIO; NASCIMENTO, LARISSA AINE; FAGUNDES, CECILIA C.; DA VEIGA, MARCIA ANDREIA MESQUITA S.; ZAMARIOLI, ARIANE; BOTTINI, MASSIMO; CIANCAGLINI, PIETRO; BRASSESCO, MARIA SOL; ENGEL, EDGARD E.; et al. abrication and characterization of a bioactive polymethylmethacrylate-based porous cement loaded with strontium/calcium apatite nanoparticle. Journal of Biomedical Materials Research Part A, v. 110, n. 4, . (19/25054-2, 17/26742-4)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.