Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito das fibras alimentares modificadas de mamões papaia em co-cultura tridimensional de células humanas de câncer de cólon e em modelo in vivo de ratos com carcinogênese de cólon quimicamente induzida

Processo: 19/11816-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2019 - 31 de janeiro de 2022
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Joao Paulo Fabi
Beneficiário:Joao Paulo Fabi
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):20/02628-0 - Efeito das fibras alimentares modificadas de mamões papaia em modelo in vivo de ratos com carcinogênese de cólon quimicamente induzida, BP.TT
19/25323-3 - Efeito das fibras alimentares modificadas de mamões papaia em co-cultura tridimensional de células humanas de câncer de cólon, BP.TT
Assunto(s):Neoplasias do cólon 

Resumo

O consumo de fibras alimentares (FA), especialmente os polissacarídeos não-digeríveis, tem sido relacionado com a diminuição da incidência do câncer de cólon. As frutas, como o mamão papaia, são alimentos ricos em pectinas, que constituem grande parte da fração FA do alimento. O mamão papaia possui um amadurecimento muito rápido, com consequente amolecimento da polpa e modificação das estruturas de suas FA. As FA de mamões maduros têm sido relacionadas a diversos efeitos biológicos benéficos de uma maneira estrutura-dependente, dentre eles a diminuição da proliferação celular em cultura bidimensional (2D) de células de câncer de cólon, e diminuição de lesões pré-neoplásicas no cólon de ratos quimicamente induzidos para desenvolvimento de câncer. No entanto, a variação da composição das FA em mamões é grande, e estudos prévios demonstraram que a modificação química das FA de mamões verdes diminuiu e uniformizou o tamanho molecular das pectinas, aumentando seus efeitos biológicos como a diminuição da proliferação celular em cultura 2D de células de câncer de cólon. Assim, a presente proposta de projeto tem como objetivos avaliar os efeitos das FA modificadas de mamões verdes e maduros, especialmente as pectinas, em co-cultura 3D de esferoides utilizando células de câncer de cólon (HCT116 e HT29) e fibroblastos humanos (CCD-18Co), e verificar o efeito do consumo das FA modificadas de mamões papaia verdes e maduros em ratos com lesões pré-neoplásicas de cólon. Desse modo, será possível avaliar se os efeitos estrutura-dependente das FA modificadas, especialmente as pectinas, permanecem em um modelo mais complexo que a cultura de células bidimensionais. Neste modelo, também será possível avaliar a metabolização das FA consumidas pelos ratos pela microbiota intestinal e a produção de metabólitos como os ácidos graxos de cadeia curta (AGCC). Do ponto de vista da saúde e tecnológico, os resultados obtidos da presente proposta poderão expandir o conhecimento de como as alterações estruturais das FA impactam em seus efeitos sobre o desenvolvimento do câncer de cólon, expandindo a criação de novos suplementos alimentares que possam ter ação preventiva do desenvolvimento do câncer de cólon e que também possam ser utilizados como adjuvantes ao tratamento quimioterápico do câncer de cólon. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Treinamento técnico em ciência dos alimentos com bolsa da FAPESP 
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (3 total):
Camocim Imparcial: Mamão Papaya maduro melhora sistema imunológico, diz estudo (03/Mar/2020)
Portal do Holanda: Mamão Papaya maduro melhora sistema imunológico, diz estudo (02/Mar/2020)
Agrosoft: Treinamento técnico em ciência dos alimentos com bolsa da FAPESP (10/Jan/2020)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PRADO, SAMIRA B. R.; BEUKEMA, MARTIN; JERMENDI, EVA; SCHOLS, HENK A.; DE VOS, PAUL; FABI, JOAO PAULO. Pectin Interaction with Immune Receptors is Modulated by Ripening Process in Papayas. SCIENTIFIC REPORTS, v. 10, n. 1 FEB 3 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.