Busca avançada
Ano de início
Entree

Plantas forrageiras e nitrogênio na sucessão soja - milho safrinha para o desenvolvimento de sistemas alimentares sustentáveis

Processo: 19/02387-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de agosto de 2019 - 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Pastagens e Forragicultura
Pesquisador responsável:Karina Batista
Beneficiário:Karina Batista
Instituição-sede: Instituto de Zootecnia. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). Nova Odessa , SP, Brasil
Pesq. associados:Alessandra Aparecida Giacomini ; Fábio Prudêncio de Campos ; Laíze Aparecida Ferreira Vilela ; Luciana Gerdes ; Waldssimiler Teixeira de Mattos
Assunto(s):Brachiaria  Nutrição vegetal  Panicum 

Resumo

A sucessão de culturas soja - milho safrinha em sistema de plantio direto tem priorizado a produção de grãos, porém a falta de diversificação dessa atividade tem promovido redução na sua produtividade. Buscando melhorias nesse sistema de produção, o presente estudo terá como objetivo avaliar a influência das plantas forrageiras e do nitrogênio na sucessão de culturas soja - milho safrinha em sistema de plantio direto visando desenvolver sistemas alimentares sustentáveis através do uso eficiente das culturas e do nitrogênio para a produção de silagem e grãos. O delineamento experimental será o de blocos ao acaso com quatro repetições em esquema de parcela subdividida. As parcelas principais serão constituídas pelos tratamentos: 1) soja (solteira) - milho safrinha (solteiro); 2) soja + capim - ruziziensis - milho safrinha + capim - ruziziensis e 3) soja + capim - aruana - milho safrinha + capim - aruana. As subparcelas serão constituídas pelas doses de nitrogênio de 0; 50; 100 e 150 kg ha-1 aplicadas em cobertura nas linhas do milho safrinha e das plantas forrageiras. Avaliar-se-á: a) diagnose do nitrogênio; b) valor SPAD; c) massa seca; d) concentração de macronutrientes nas plantas; e) plantas daninhas; f) parâmetros agronômicos do milho e da soja; g) composição bromatológica, digestibilidade e parâmetros fermentativos da silagem; h) produção de grãos do milho safrinha; i) teores de nitrogênio no solo e j) atributos químicos e biológicos do solo. Serão estudados os efeitos principais e as interações. As interações significativas serão desdobradas de acordo com os fatores envolvidos. As médias dos efeitos principais de cultivo serão comparadas pelo teste de Tukey e para o efeito das doses de nitrogênio serão realizadas análises de regressão. (AU)