Busca avançada
Ano de início
Entree

Os empregados públicos municipais e a construção da identidade social em São Paulo, 1925-1945

Processo: 19/12193-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Pesquisador Visitante - Internacional
Vigência: 14 de setembro de 2019 - 16 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Fernando Atique
Beneficiário:Fernando Atique
Pesquisador visitante: Maria Cristina Mehrtens
Inst. do pesquisador visitante: University of Massachusetts, Dartmouth (UMass Dartmouth), Estados Unidos
Instituição-sede: Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Guarulhos. Guarulhos , SP, Brasil
Assunto(s):São Paulo  Serviço público  História urbana  Obras públicas 

Resumo

O livro "Urban Space and National Identity in Early Twentieth Century São Paulo, BrazilCrafting Modernity", publicado por Cristina Mehrtens no início desta década, tem sido referência importante nos estudos "paulistanistas" desenvolvidos no exterior e na própria cidade de São Paulo. Escrito pela arquiteta, urbanista, antropóloga e doutora em história, Cristina Mehrtens, como resultado de sua tese de doutoramento, o livro mostra a conformação de um setor médio na cidade de São Paulo, por meio das instituições voltadas ao planejamento da cidade, como o Serviço de Obras Públicas Municipais da PMSP e a Cia City. A vinda de Mehrtens à EFLCH-UNIFESP, está atrelada ao desenvolvimento do projeto "Pauliceia Esfacelada:uma investigação sobre o processo de demolição de espaços na área central de São Paulo e suas representações midiáticas" (processo FAPESP 2018/15939-4) que estuda, justamente, o aparelhamento da prefeitura de Prestes Maia, no período do Estado Novo, que possibilitou a construção de um projeto rodoviarista de grande proporção por sobre o tecido tradicional de São Paulo bem como por áreas de plantações. Assim, o minicurso e a presença de Mehrtens por dois meses em São Paulo, nos ajudará a aprofundarmos as compreensões sobre as discussões municipais que deram lastro e suporte ao "Projeto de um Plano de Avenidas para a Cidade de São Paulo." A temática interessa, ainda, a outros dois PPGs da UNIFESP, o de Ciências Sociais, sediado na própria EFLCH, e o de Economia e Desenvolvimento, sediado na Escola Paulista de Política, Economia e Negócios, no campus Osasco da UNIFESP. (AU)