Busca avançada
Ano de início
Entree

Consórcio internacional para o estudo de vesículas extracelulares do soro durante o desenvolvimento embrionário em animais domésticos

Processo: 19/06696-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de setembro de 2019 - 31 de agosto de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Convênio/Acordo: Texas A&M University
Proposta de Mobilidade: SPRINT - Projetos de pesquisa - Mobilidade
Pesquisador responsável:Juliano Coelho da Silveira
Beneficiário:Juliano Coelho da Silveira
Pesq. responsável no exterior: Ky G. Pohler
Instituição no exterior: Texas A&M University, Estados Unidos
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Pesq. associados:Guilherme Pugliesi
Vinculado ao auxílio:14/22887-0 - Exossomos e microvesículas contendo miRNAs modulam mudanças epigenéticas durante o cultivo in vitro de gametas e embriões em bovinos, AP.JP
Assunto(s):Vesículas extracelulares  Bovinos  Biotecnologia da reprodução  MicroRNAs  Cooperação internacional 

Resumo

Essa proposta busca desenvolver uma colaboração internacional na área de biotecnologia da reprodução. Estudos na área de vesículas extracelulares e seus conteúdos durante o desenvolvimento embrionário, são o principal objetivo desse grupo, mais especificamente na área de animais domésticos de produção. As atividades desenvolvidas durante as visitas permitirão a troca de experiências entre o grupo na Usp e na TAMU. criando assim oportunidades para aumentar os resultados de projetos já em andamento e assim servir de fundamentação para elaborar novos e inovadoras propostas para o futuro. Os pesquisadores envolvidos na proposta são altamente colaborativos e experts nas áreas de pesquisa da proposta. Sendo assim, esperamos desenvolver um grupo de colaboração internacional focado no desenvolvimento de conhecimento relacionado ao papel de vesículas extracelulares durante o desenvolvimento embrionário em espécies domésticas de produção. Essa proposta irá servir de base para futuros projetos, colaborações, visitas de estudantes e ciência de alto impacto. (AU)