Busca avançada
Ano de início
Entree

FAPESP week Lyon e Paris 2019

Processo: 19/21828-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Organização de Reunião Científica
Vigência: 20 de novembro de 2019 - 28 de março de 2020
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Euclides de Mesquita Neto
Beneficiário:Euclides de Mesquita Neto
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia Mecânica (FEM). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Doenças negligenciadas  Fotônica  Ciência de dados  Migração  Inteligência artificial  Filosofia 

Resumo

Com o desafio de discutir, sob perspectiva multidisciplinar, importantes questões das fronteiras do conhecimento e sob a lógica de que, agora mais do que nunca, o avanço da ciência depende do intercâmbio mais intenso possível com pesquisadores de diversos países a FAPESP iniciou, em 2011, a realização de eventos multidisciplinares no exterior reunindo cientistas proeminentes do Estado de São Paulo com colegas de diversas instituições internacionais.Esses eventos têm o objetivo de estimular os participantes a refletir sobre os novos rumos de seus campos de atuação, assim como de outras áreas do saber. Além disso, busca-se, como consequência natural, ampliar o intercâmbio científico e tecnológico com os países onde os eventos são realizados, buscando estreitar laços de cooperação com o Brasil. Espera-se, em consequência, a realização de chamadas de pesquisas em conjunto com as entidades parceiras e, ultimamente, o aumento do impacto da pesquisa realizada por cientistas de São Paulo em parceria com colegas estrangeiros.O primeiro desses eventos realizou-se em Washington, em parceria com o Woodrow Wilson International Center for Scholars. Seu extraordinário sucesso motivou a promoção de outros nos anos seguintes. Foram realizadas FAPESP Weeks em Toronto, Cambridge (EUA), Morgantown, Salamanca, Madri, Tóquio, Londres, Carolina do Norte (Charlotte e Chapel Hill), Beijing, Munique, Califórnia (Berkeley, San Francisco e Davis), Buenos Aires, Barcelona, Michigan, Ohio e Montevidéu.Em 2019, já há intensos contatos entre as universidades locais e as universidades paulistas (em Lyon e em Paris), de forma que o evento ampliará esses vínculos e criará oportunidades para que novos sejam estabelecidos em temas relevantes como fotônica, ciências de dados e inteligência artificial, nanopartículas atmosféricas e saúde, ciências da vida, infraestrutura urbana, filosofia, imunoterapia e terapia genética, doenças negligenciadas, psicologia, psicanálise, imigração. (AU)