Busca avançada
Ano de início
Entree

Historiografia da antropologia

Processo: 19/05567-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Apoio a Jovens Pesquisadores
Vigência: 01 de dezembro de 2019 - 30 de novembro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Antropologia - Teoria Antropológica
Pesquisador responsável:Luís Felipe Bueno Sobral
Beneficiário:Luís Felipe Bueno Sobral
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Pesq. associados:Christiano Key Tambascia ; Luiz Gustavo Freitas Rossi ; Rodrigo Martins Ramassote
Bolsa(s) vinculada(s):19/26153-4 - Historiografia da antropologia, BP.JP
Assunto(s):Relações de gênero 

Resumo

Este projeto propõe a criação de uma nova linha de pesquisa intitulada "Historiografia da antropologia". Seu objetivo é promover a pesquisa sobre as várias histórias da antropologia sem perder de vista seu aspecto historiográfico e seu vínculo com a teoria antropológica, o que implica uma reflexão constante sobre como e por qual motivo escrever tais histórias. Ela será implementada em dois âmbitos imbricados. O primeiro concerne ao projeto de pesquisa individual sobre a circulação de Sir e Lady J. G. Frazer e sua obra na França, que desenvolvo como pesquisador de Bérose (Encyclopédie internationale des histoires de l'anthropologie), coordenada em Paris por Christine Laurière (CNRS) e Frederico Rosa (NOVA FCSH). Em particular, trata-se de descrever, através de uma documentação inédita, a função de pivô desempenhada por Lady Frazer no circuito que a vinculava, com seu marido, aos intelectuais, escritores e editores franceses, situando-na em uma posição indeterminada de gênero: nem somente esposa nem intelectual plena. O segundo âmbito refere-se à articulação institucional entre o Arquivo Edgard Leuenroth (AEL), que abriga um importante acervo de história da antropologia, ainda não inteiramente catalogado, e o Departamento de Antropologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Trata-se de promover a classificação e a pesquisa desse acervo junto com o debate teórico mais amplo sobre a historiografia da antropologia, tema dos cursos que serão oferecidos nesse departamento. (AU)