Busca avançada
Ano de início
Entree

Interoperabilidade entre os repositórios digitais do patrimônio cultural brasileiro: da Web Semântica e dados abertos ligados às ferramentas de busca e recuperação da informação

Processo: 18/23068-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2019 - 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Ciência da Informação - Biblioteconomia
Convênio/Acordo: MCTI/MC
Pesquisador responsável:Dalton Lopes Martins
Beneficiário:Dalton Lopes Martins
Instituição-sede: Faculdade de Ciência da Informação. Universidade de Brasília (UNB)
Pesq. associados: Daniela Lucas da Silva Lemos ; José Eduardo Santarem Segundo ; Luciana Conrado Martins
Bolsa(s) vinculada(s):20/06793-6 - Interoperabilidade entre os repositórios digitais do patrimônio cultural brasileiro: da Web Semântica e dados abertos ligados às ferramentas de busca e recuperação da informação, BP.TT
20/05749-3 - Interoperabilidade entre os repositórios digitais do patrimônio cultural brasileiro: da Web Semântica e dados abertos ligados às ferramentas de busca e recuperação da informação, BP.TT
Assunto(s):Organização da informação  Repositórios digitais  Web semântica  Dados abertos  Linked data  Recuperação da informação  Interoperabilidade  Patrimônio cultural  Humanidades digitais 

Resumo

O acervo digitalizado das instituições memoriais constitui um insumo estratégico para importantes iniciativas internacionais voltadas à formação de grandes bases dados. Essas bases, tanto alimentam novos métodos de pesquisa nas chamadas Humanidades Digitais, como alimentam novos fluxos de inovação e reuso dos conteúdos pela indústria criativa, fomentando o desenvolvimento cultural e econômico da sociedade. No entanto, há grandes desafios na integração de repositórios digitais das instituições que já possuem acervos digitalizados e disponíveis em rede em plataformas abertas. Desde o entendimento dos modelos conceituais de organização e representação da informação desses repositórios até a compreensão dos diferentes métodos de agregação da informação, há importantes etapas metodológicas e técnicas a serem superadas. A web semântica e os modelos de dados abertos ligados têm sido utilizados por diversas iniciativas como uma solução para interoperabilidade dos repositórios digitais. O presente projeto tem por objetivo propor um modelo conceitual semântico para a interoperabilidade dos repositórios digitais do patrimônio cultural no âmbito da esfera federal brasileira, além de produzir solução técnica para busca e recuperação da informação agregada desses repositórios, fornecendo ponto de acesso único a essa rica informação cultural ao público brasileiro. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre o auxílio::
Museus em quarentena