Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanoquímica para a produção de um sal híbrido usado no tratamento da malária

Processo: 19/22791-6
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de novembro de 2019 - 30 de abril de 2020
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Fabio Furlan Ferreira
Beneficiário:Fabio Furlan Ferreira
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Assunto(s):Difração por raios X  Cristalografia  Ressonância magnética nuclear 

Resumo

Mecanoquímica refere-se a uma reação química induzida por energia mecânica envolvendo sólidos. Este método oferece várias vantagens sobre a síntese em fase de solução, como minimizar a necessidade de grandes volumes de solventes em reações químicas e soluções sintéticas mais ecológicas e mais eficientes. Neste trabalho, obtemos, por mecanoquímica, um sal híbrido, denominado MEFAS, derivado de duas moléculas antimaláricas - mefloquina e artesunato. Demonstramos, usando um procedimento experimental simples, como a quantidade catalítica de líquido presente durante as reações mecanoquímicas é decisiva para obter o MEFAS. Os dados de espectroscopia no infravermelho por transformação de Fourier (FTIR) e ressonância magnética nuclear (RMN) indicam que as reações mecanoquímicas assistidas por líquidos são promissoras na formação do sal híbrido, formado por meio de uma interação de hidrogênio do grupo carboxilato da molécula de artesunato com o grupo piperidina da mefloquina. (AU)