Busca avançada
Ano de início
Entree

Termoeletricidade e transporte térmico em materiais topológicos

Processo: 18/19420-3
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Jovens Pesquisadores
Vigência: 01 de janeiro de 2020 - 31 de dezembro de 2025
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Física - Física da Matéria Condensada
Convênio/Acordo: Sociedade Max Planck para o Avanço da Ciência
Pesquisador responsável:Valentina Martelli
Beneficiário:Valentina Martelli
Pesq. responsável no exterior: Steffen Wirth
Instituição no exterior: Max Planck Society, Dresden, Alemanha
Instituição Sede: Instituto de Física (IF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores associados:Antonio Domingues dos Santos ; Julio Antonio Larrea Jimenez ; Walber Hugo de Brito
Bolsa(s) vinculada(s):24/00177-2 - Termoeletricidade em isolantes topológicos cristalinos: de bulk para filmes finos, BP.PD
24/00556-3 - Termoeletricidade na matéria quântica, BP.JC
23/11184-7 - Experimentos de transporte térmico e termoelétrico em função da espessura: estratégias para a manipulação controlada do tamanho das amostras, BP.IC
+ mais bolsas vinculadas 22/01742-0 - Estudo de transporte térmico em óxidos complexos de baixa dimensionalidade, BP.DD
22/03262-5 - Termoeletricidade em isolantes topológicos cristalinos, BP.PD
22/00992-2 - Estudo das propriedades de transporte do composto quase-unidimensional Bi4I4, BP.MS
21/00625-7 - Termoeletricidade e transporte térmico em Isolantes topológicos de Kondo, BP.DD
21/00989-9 - Estudo de transporte térmico em óxidos complexos de baixa dimensionalidade, BP.MS
21/00322-4 - Telureto de chumbo: transporte térmico bulk e de superfície em baixa temperatura, BP.IC - menos bolsas vinculadas
Assunto(s):Termoeletricidade  Hidrodinâmica  Topologia  Materiais nanoestruturados 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:phonon hydrodynamics | thermoelectricity | Topological Materials | Materiais topológicos

Resumo

Materiais que possuem estados com topologia não-trivial têm atraído muita atenção devido ao impacto potencial que a manipulação de seus estados superficiais topologicamente protegidos (TSS) poderia trazer para aplicações tecnológicas em spintrônica e computação quântica. Recentemente, o interesse pela contribuição dos TSS para a termoeletricidade cresceu rapidamente, abrindo uma nova rota promissora na busca de novos materiais termoelétricos. Apesar das previsões teóricas sugerirem possíveis estratégias para melhorar o desempenho termoelétrico em materiais topológicos, estudos sistemáticos sob condições extremas não são frequentemente realizados; isso se deve principalmente aos desafios que as técnicas de medição envolvem, especialmente quando amostras nanoestruturadas estão sob investigação. O objetivo deste projeto é investigar a resposta termoelétrica em vários materiais topológicos candidatos e heteroestruturas com o objetivo de trazer informações relevantes sobre a organização microscópica dos portadores de carga e explorar novas rotas para melhorar o desempenho termoelétrico. Será investigada a termeletricidade nos compostos SmB6, PbTe, SnTe e Ce3Bi4Pt3 em amostra bulk e também em filmes finos, sob múltiplas condições extremas. Heteroestruturas preparadas com filmes finos de materiais topológicos e magnéticos selecionados também serão estudados para explorar efeitos de proximidade e efeitos de interface na resposta termoelétrica. Para alcançar nossos objetivos, propomos instalar novas facilidades experimentais do estado da arte no Instituto IF-USP, para a investigação do transporte termoelétrico e térmico em amostras bulk e em filmes finos, sob condições extremas de baixa temperatura (de 300K até 0.05K) e campo magnético alto (até 20T).O financiamento apoiará a formação de um grupo independente de pesquisa (TRG) liderado por Valentina Martelli, associado ao Instituto de Física da Universidade Estadual de São Paulo, em cooperação com o PD Dr. Wirth do MPI-CPfS (Dresden). Os resultados esperados do projeto vão contribuir em produzir excelentes trabalhos científicos devido ao know-how específico de todos os participantes, ao alto interesse sobre o tema e à colaboração benéfica que favorecerá a mobilidade internacional e a transferência de conhecimento. O TRG poderá estabelecer um laboratório de referência pela investigação de transporte termoelétrico e térmico em múltiplas condições extremas no Brasil e na América do Sul. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)