Busca avançada
Ano de início
Entree

Paradigmas do registro fotojornalístico em narrativas complexas: a fotorreportagem social como promotora da Agenda 2030 na nova ecologia dos meios

Processo: 19/19337-1
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de dezembro de 2019 - 30 de novembro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Comunicação - Comunicação Visual
Pesquisador responsável:Denis Porto Renó
Beneficiário:Denis Porto Renó
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Jornalismo digital  Fotojornalismo  Fotografia  Fotografia social  Tecnologias digitais  Dispositivos móveis  Agenda 2030 

Resumo

A fotografia vivencia processos mutantes expressivos desde o advento da tecnologia digital, e ocupou um status de coadjuvante por quase duas décadas no jornalismo digital, como complemento dos textos. Porém, essa realidade vive uma reviravolta. Atualmente, encontramos diversas tecnologias digitais que promovem não somente o registro fotográfico de alta qualidade a partir de dispositivos móveis, como também as transformam em mensagem fundamental em reportagens multiplataforma e/ou transmídia, ou seja, através de narrativas complexas, com o papel de agente testemunha e de transformação social. Esta pesquisa, de caráter exploratório, pretende estudar, a partir de um complexo metodológico que compreende, basicamente, investigação bibliográfica, pesquisa etnográfica, observação participante e o método quase-experimental, os efeitos e as mudanças dos paradigmas no campo do fotojornalismo social (FREUND, 2015) contemporâneo, que divide com o audiovisual e o textual não somente o olhar e o processo comunicacional, mas também a sua própria existência. Espera-se obter, com a conclusão das diversas etapas deste projeto, denominadas nesta proposta como subprojetos, subsídios para o desenvolvimento de novos olhares e conceitos relacionados à fotorreportagem social na nova ecologia dos meios, capazes de colaborar com o cumprimento da Agenda 2030, em especial aos objetivos 10 e 16, que contemplam Redução das Desigualdades e Paz, Justiça e Instituições Eficazes, respectivamente. (AU)