Busca avançada
Ano de início
Entree

Genotipagem e resistência antimicrobiana de Streptococcus uberis isolados de mastite clínica bovina

Processo: 19/23667-7
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de fevereiro de 2020 - 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária
Pesquisador responsável:Marcos Veiga dos Santos
Beneficiário:Marcos Veiga dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Mastite bovina  DNA 

Resumo

Um total de 89 isolados identificados como Strep. Uberis de 86 vacas leiteiras com CM. Em 17 rebanhos leiteiros do sudeste do Brasil foram genotipados usando análise aleatória de DNA polimórfico amplificado (RAPD). Após a genotipagem, foram criados dois agrupamentos (I e II). Foi utilizado um teste de microdiluição em caldo comercial para determinar a suscetibilidade de isolados de Strep.uberis a 8 antimicrobianos (ampicilina, ceftiofur, cefalotina, eritromicina, penicilina, penicilina + novobiocina, pirlimicina e tetraciclina). As concentrações inibitórias mínimas que inibem 50% (MIC50) e 90% (MIC90) das linhagens Strep.uberis. As diferenças na AMS entre os clusters genotípicos foram avaliadas usando modelos de regressão mista. No geral, foi encontrado um grande polimorfismo (56 tipos RAPD) entre Os isolados de Strep.uberis, apesar de uma maior similaridade genética (baseada nas características das bandas de PCR), foram observados nos rebanhos após o agrupamento genotípico. Não foram observadas diferenças na AMS entre os clusters. O Strep.uberis isolado do CM bovino foi resistente à maioria dos antimicrobianos. exceção de cefalotina e penicilina + novobiocina. (AU)