Busca avançada
Ano de início
Entree

Explorando novas estratégias de virulência em Escherichia coli

Processo: 17/14821-7
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Temático
Vigência: 01 de novembro de 2019 - 31 de outubro de 2024
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Biologia e Fisiologia dos Microorganismos
Pesquisador responsável:Tânia Aparecida Tardelli Gomes do Amaral
Beneficiário:Tânia Aparecida Tardelli Gomes do Amaral
Instituição Sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Pesquisadores principais:
Rodrigo Tavanelli Hernandes ; Rosa Maria Silva ; Roxane Maria Fontes Piazza ; Waldir Pereira Elias Junior
Pesquisadores associados: Ana Carolina de Mello Santos Gheller ; Angela Silva Barbosa ; Beatriz Ernestina Cabilio Guth ; Cecilia Mari Abe ; Emiliano Fernando Navarro Garcia ; Fernanda Fernandes dos Santos ; Mônica Aparecida Midolli Vieira ; Rita de Cássia Ruiz ; Terezinha Knöbl
Bolsa(s) vinculada(s):22/12006-2 - Papel das citocinas na modulação da indução a produção de muco por cepas de Escherichia coli enteropatogênica atípica (aEPEC) em células intestinais in vitro, BP.PD
21/14854-8 - Estudo sobre o papel da serinoprotease Tsh na evasão de Escherichia coli ao sistema imune inato e na patogênese da Sepse, BP.DR
22/02861-2 - Papel da proteína autotransportadora VAT (Vacuolating Autotransporter Toxin) na patogênese da Sepse causada por Escherichia coli, BP.PD
21/12754-6 - Efeito da associação entre distintas adesinas de Escherichia coli diarreiogênica e uma nova adesina autotransportadora identificada em um isolado de E. coli enteropatogênica atípica do sorotipo O2:H16, BP.IC
21/04948-5 - Purificação das proteínas autotransportadoras Vat e Tsh, BP.TT
Assunto(s):Evasão da resposta imune  Escherichia coli  Virulência  Infecção  Intestinos 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Escherichia coli | evasão da resposta imune | Ilhas de patogenicidade | Infecção extraintestinal | infecção intestinal | mecanismos de patogenicidade | Patogenicidade bacteriana

Resumo

Escherichia coli caracteriza-se por albergar cepas tanto comensais e/ou simbiontes, quanto patogênicas para os sítios intestinal e extraintestinal de seres humanos e animais de sangue quente. Esta pluralidade de comportamento deve-se, de um lado, ao fato de a maioria dos seus determinantes de virulência estar codificada em elementos genéticos móveis e, de outro lado, à extraordinária permissividade de E. coli em adquirir DNA via HGT (Horizontal Gene Transfer). Os relatos recentes sobre o surgimento de cepas híbridas, isto é, resultantes da combinação de fatores de virulência classicamente associados a patotipos específicos, além de comprovar a plasticidade de E. coli, demonstram que há muitas lacunas a serem preenchidas na compreensão da patogenicidade dessa espécie. Este projeto visa avançar no conhecimento de diferentes estratégias de virulência de E. coli e ultrapassar as fronteiras atualmente estabelecidas na definição dos diversos patotipos. Neste sentido, pretende-se: explorar o papel de diferentes adesinas na interação de E. coli patogênica em distintos modelos celulares, avaliar a implicação do sistema toxina-antitoxina na virulência e persistência bacteriana no hospedeiro, estudar o papel de serino-proteases na evasão do sistema imune inato e o papel de citocinas na modulação da indução de produção de muco e a distribuição e expressão de Ilhas de Patogenicidade em diversos patotipos de E. coli. Essas informações poderão contribuir para melhorar o diagnóstico, a tipagem e o manejo de doenças. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (4)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE MELLO SANTOS, ANA CAROLINA; SANTOS, FERNANDA FERNANDES; SILVA, ROSA MARIA; TARDELLI GOMES, TANIA APARECIDA. Diversity of Hybrid- and Hetero-PathogenicEscherichia coliand Their Potential Implication in More Severe Diseases. FRONTIERS IN CELLULAR AND INFECTION MICROBIOLOGY, v. 10, . (17/14821-7)
DE LIRA, DAIANY R. P.; CAVALCANTI, ADRIENE M. F.; PINHEIRO, SANDRA R. S.; ORSI, HENRIQUE; DOS SANTOS, LUIS F.; HERNANDES, RODRIGO T.. Identification of a hybrid atypical enteropathogenic and enteroaggregative Escherichia coli (aEPEC/EAEC) clone of serotype O3:H2 associated with a diarrheal outbreak in Brazil. Brazilian Journal of Microbiology, v. 52, n. 4, . (17/14821-7)
MUNHOZ, DANIELLE D.; SANTOS, FERNANDA F.; MITSUNARI, THAIS; SCHUROFF, PAULO A.; ELIAS, WALDIR P.; CARVALHO, ENEAS; PIAZZA, ROXANE M. F.. Hybrid Atypical Enteropathogenic and Extraintestinal Escherichia coli (aEPEC/ExPEC) BA1250 Strain: A Draft Genome. PATHOGENS, v. 10, n. 4, . (18/06610-9, 17/25406-0, 17/14821-7)
MERINO, VICTOR R.; NAKANO, VIVIANE; DELANNOY, SABINE; FACH, PATRICK; ALBERCA, GABRIELA G. F.; FARFAN, MAURICIO J.; PIAZZA, ROXANE M. F.; AVILA-CAMPOS, MARIO J.. Prevalence of Enteropathogens and Virulence Traits in Brazilian Children With and Without Diarrhea. FRONTIERS IN CELLULAR AND INFECTION MICROBIOLOGY, v. 10, . (17/14821-7, 13/17739-9)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.