Busca avançada
Ano de início
Entree

Nova espécie de Paraturbanella Remane, 1927 (Gastrotricha, Macrodasyida) da costa brasileira e filogenia molecular de Turbanellidae Remane, 1926

Processo: 20/01415-3
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de maio de 2020 - 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia - Taxonomia dos Grupos Recentes
Pesquisador responsável:André Rinaldo Senna Garraffoni
Beneficiário:André Rinaldo Senna Garraffoni
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Taxonomia  Meiofauna  Sistemática 

Resumo

A família Turbanellidae inclui Paraturbanella e cinco outros gêneros. Apesar do fato da monofilia desses gêneros não terem sido satisfatoriamente testada, espécies pertencentes ao gênero Paraturbanella são diferenciadas das demais turbelídeos por compartilhar um grupo peculiar de tubos no lado ventrolateral da região anterior da faringe, conhecido como tubos "dohrni". Neste estudo, é descrito uma nova espécie Paraturbanella tricaudata (sp. nov.) encontrada na zona entremarés de uma praia arenosa de Trindade (Estado do Rio de Janeiro) e no sublitoral da Ilha de Prumirim (Estado de São Paulo), Brasil. A nova espécie pode ser distinguida de todas as outras espécies de Paraturbanella pelapresença de três cones caudais (um medial e dois laterais) e arranjo peculiar dosistema masculino. Esta é a primeira descrição de uma espécie de Paraturbanella para o Brasil e a terceira registrado no Hemisfério Sul (em oposição a 19 espécies no Hemisfério Norte); assim, o conhecimento da biodiversidade de gastrópicos marinhos nessa região está longe de ser satisfatório. (AU)