Busca avançada
Ano de início
Entree

Privação de sono regula a disponibilidade da PrPC e do peptídeo beta-amiloide, o qual pode prejudicar a interação entre PrPC e laminina e plasticidade neuronal.

Resumo

A PrPC é uma glicoproteína capaz de interagir com várias moléculas e mediar diversas vias de sinalização. Entre numerosos ligantes, a laminina (LN) é conhecida por promover crescimento de neurites e consolidação da memória, enquanto os oligômeros de peptídeo beta-amilóides (Abetao) desencadeiam a disfunção sináptica. Em ambas as vias, o mGluR1 é recrutado como co-receptor. O envolvimento de PrPC/mGluR1 nestas funções opostas sugere que esse complexo é um elemento chave na regulação da atividade sináptica. Considerando que o ciclo sono-vigília é importante para a homeostase sináptica, buscamos investigar como a privação do sono afeta a expressão de PrPC e seus ligantes, laminina, beta-amiloide e mGluR1, um multicomplexo que pode interferir na plasticidade neuronal. Para resolver esta questão, os hipocampos de camundongos C57BL/6 controle (CT) e privados de sono (SD) foram coletados em dois momentos do período circadiano (13h e 21h). Observamos que a privação do sono reduziu os níveis de PrPC e mGluR1 com maior efeito no estado ativo (21h). A privação do sono também causou acúmulo de peptídeos Abeta no período de descanso (13h), enquanto os níveis de laminina não foram afetados. O ensaio de ligação in vitro mostrou que Abetao pode competir com o LN pela ligação à PrPC. A influência de Abetao também foi observada na neuritogênese. LN promoveu maior crescimento de neurito em ambos os genótipos, Prnp+/+ e Prnp0/0, quando comparado as respectivas células não tratadas. Abetao sozinho não mostrou nenhum efeito, mas quando adicionado junto com a LN, atenuou os efeitos da LN apenas nas células Prnp+/+. Desta forma, nossos resultados indicam que a privação do sono regula a disponibilidade da PrPC e dos peptídeos Abeta. Ainda, essas alterações induzidas pela privação de sono podem afetar negativamente a interação entre LN e PrPC, que é conhecida por desempenhar um papel na plasticidade neuronal. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)