Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de uma nova bebida premium: espumante de mel de abelhas nativas brasileiras

Processo: 19/09109-1
Modalidade de apoio:Auxílio à Pesquisa - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE
Vigência: 01 de julho de 2020 - 31 de março de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Tecnologia de Alimentos
Pesquisador responsável:Juliana Massimino Feres
Beneficiário:Juliana Massimino Feres
Empresa Sede:Mira Pesquisa e Desenvolvimento Ltda. - ME
CNAE: Fabricação de produtos alimentícios não especificados anteriormente
Município: São Carlos
Pesquisadores associados:Mariana Machitte de Freitas ; Mariana Massimino Feres ; Paulo Renato Matos Lopes ; Thais Guaratini ; Túlio Marcos Nunes
Auxílios(s) vinculado(s):22/04784-5 - Desenvolvimento de uma nova bebida premium: espumante de mel de abelhas nativas brasileiras, AP.PIPE
Bolsa(s) vinculada(s):20/08753-1 - Desenvolvimento de uma nova bebida premium: espumante de mel de abelhas nativas brasileiras, BP.PIPE
20/08756-0 - Manejo do Meliponário destinado ao desenvolvimento do Projeto "Desenvolvimento de uma nova bebida premium: espumante de mel de abelhas nativas brasileiras", BP.TT
Assunto(s):Indústria de bebidas  Bebidas alcoólicas  Desenvolvimento de produtos  Produtos novos  Fermentação alcoólica  Mel  Abelhas-sem-ferrão 
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:Abelhas nativas brasileiras | espumante | fermentação | mel | Meliponíneos | Produção de bebidas espumantes

Resumo

A criação de abelhas é uma vocação nacional, o Brasil é um dos maiores produtores de mel do mundo e o oitavo maior exportador deste produto. A principal abelha manejada no país é a exótica Apis mellifera (abelha europa ou africana), com alta produtividade e manejo bem regulamentado no país. Por outro lado, existem mais de 1.500 espécies de abelhas nativas conhecidas no Brasil, sendo que mais de 200 delas não possuem ferrão, conhecidas como abelhas meliponíneas (Hymenoptera: Apidae: Meliponina). A criação racional dessas abelhas, a meliponicultura, tem aumentado no país nos últimos 10 anos, com suporte de práticas e inovações no manejo, multiplicação e utilização dos seus produtos. As possibilidades de utilização dos produtos das abelhas nativas do Brasil são extensas, incluindo não apenas o mel propriamente dito, mas também o cerume, o geoprópolis e o pólen, além de sua aplicação em paisagismo, lazer, turismo, educação ambiental e estudos científicos. Os méis de abelhas sem ferrão apresentam uma grande variação de sabor, cor e aroma, configurando rica matéria-prima para o desenvolvimento de novos produtos, embora ainda seja necessária extensa pesquisa científica para sua caracterização química e microbiológica. Dentre os potenciais de utilização, está a fermentação alcoólica dos méis dessas abelhas, cujo resultado inicial obtido mostrou-se semelhante a um vinho seco. O setor de bebidas no Brasil tem apresentado um crescimento acima do PIB nos últimos anos, o que estimula a busca por novos produtos. As principais tendências de crescimento do setor envolvem o segmento de produtos premiuns diferenciados, elaborados a partir de produtos naturais, a modelo do grande sucesso de cervejarias artesanais que cresceram substancialmente nos últimos anos. No Brasil, existem poucos estabelecimentos registrados para a produção industrial de bebidas fermentadas a partir de mel e, até o momento, não foi possível encontrar nenhum utilizando méis de abelhas nativas brasileiras. A grande diversidade de abelhas nativas do Brasil apresenta uma oportunidade ousada de aliar pesquisa científica com criação de um produto totalmente inovador sem referência de comparação no mercado nacional. Nesse cenário, há um ambiente propício para a realização do objetivo desta proposta, o desenvolvimento de um produto inovador, um espumante de mel premium produzido a partir do mel de abelhas nativas, valorizando e estimulando a preservação da fauna brasileira. O resultado desse projeto irá oferecer um produto único ao mercado, desenvolvido com responsabilidade social e ambiental, e valorizando a cultura e a biodiversidade brasileiras. (AU)

Matéria(s) publicada(s) no Pesquisa para Inovação FAPESP sobre o auxílio:
Startup desenvolve espumante com base no mel de abelhas nativas brasileiras 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o auxílio:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)