Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise do genoma de ranavírus FV3 isolado em rãs-touro americanas (Lithobates catesbeianus) na América do Sul

Processo: 19/24929-5
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de maio de 2020 - 31 de outubro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca - Aquicultura
Pesquisador responsável:Cláudia Maris Ferreira Mostério
Beneficiário:Cláudia Maris Ferreira Mostério
Instituição-sede: Instituto de Pesca. Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA). Secretaria de Agricultura e Abastecimento (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Virologia  Iridovirus  Biologia molecular  Ranavirus 

Resumo

Os ranavírus (família Iridoviridae) causam doenças importantes em vertebrados de sangue frio. Além disso, algumas ocorrências indicam que, nesse gênero, o mesmo vírus pode infectar animais de diferentes grupos taxonômicos. Uma cepa isolada de um surto de Ranavírus (2012) no estado de São Paulo, Brasil, teve seu genoma sequenciado e apresentou identidade de 99,26% e 36,85% com amostras de ranavírus de Frog virus 3 (FV3) e de garoupa de Cingapura (SGIV), respectivamente. Foram identificados oito eventos de recombinação em potencial entre a amostra analisada e as amostras de referência do FV3, incluindo uma recombinação com a amostra de iridovírus de Bohle (BIV) da Oceania. A amostra analisada apresentou vários rearranjos em comparação com as amostras de referência do FV3 da América do Norte e continente europeu. Relatamos pela primeira vez o genoma completo do Ranavirus FV3 isolado da América do Sul, esses resultados contribuem para um maior conhecimento relacionado a eventos evolutivos de agente infeccioso potencialmente letal para animais de sangue frio. (AU)