Busca avançada
Ano de início
Entree

Organogéis termosensíveis como estratégias para o tratamento de processos inflamatórios: da estrutura supramolecular à avaliação farmacológica

Processo: 19/20303-4
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Regular
Vigência: 01 de maio de 2020 - 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Daniele Ribeiro de Araujo
Beneficiário:Daniele Ribeiro de Araujo
Instituição-sede: Centro de Ciências Naturais e Humanas (CCNH). Universidade Federal do ABC (UFABC). Ministério da Educação (Brasil). Santo André , SP, Brasil
Pesq. associados: Cristina Padula ; Fabiano Yokaichiya ; Mirela Inês de Sairre ; Patrizia Santi ; Vinicius de Andrade Oliveira
Assunto(s):Organogéis  Nanobiotecnologia 

Resumo

A via tópica oferece inúmeras vantagens quando comparada às vias tradicionais como liberação local de fármaco, fácil aplicação e adesão dos pacientes, evita a biotransformação de primeira passagem. Porém, a complexidade estrutural do estrato córneo é uma das principais limitações à absorção de fármacos. Por outro lado, alterações morfofuncionais no estrato córneo são responsáveis por desencadear a síntese e a liberação de citocinas inflamatórias, evidenciando o quadro clínico de uma das dermatoses inflamatórias crônicas mais incidentes, a Dermatite Atópica (DA), objeto de estudo dessa proposta. Em vista das alterações cutâneas complexas, ressalta-se a necessidade de avaliar a efetividade de dois fitoquímicos, como o sulforafano (SFN) e a curcumina (CUR), para o tratamento dessa patologia bem como desenvolver novos sistemas carreadores que permitam disponibilizá-las ao local de ação. A abordagem biotecnológica desta proposta refere-se ao desenvolvimento de diferentes formulações de organogéis lipídio-poloxâmeros, sistemas coloidais nanoestruturados que apresentam uma fase oleosa dispersa em uma fase aquosa, como estratégias para aplicação de fitoquímicos na pele. As diferentes composições propostas como fase oleosa foram delineadas para permitirem a incorporação de altas concentrações de moléculas hidrofóbicas (como é o caso da CUR), bem como promovem a modulação da velocidade de permeação de moléculas anfifílicas (como o SFN). Um dos fatores diferenciais da proposta é a utilização de fase aquosa constituída por sistemas binários com poloxâmeros (PL) que apresentam diferentes valores de balanços hidrofílico-lipofílico, sendo possível investigar a organização supramolecular desses sistemas por técnicas físico-químicas de alta resolução (como SANS, por exemplo). Ademais, a alta capacidade de adesão dos organogéis à pele, formando um filme uniforme, aumenta o tempo de contato da formulação com o local de aplicação. Em conjunto, os fatores aqui apresentados ressaltam a necessidade de investigações quanto à caracterização físico-química dos organogéis e suas interações com os componentes lipídicos e proteicos do estrato córneo, possibilitando o estudo da relação entre os mecanismos de permeação dos fármacos e as possíveis alterações estruturais observadas no estrato córneo. Além dos ensaios físico-químicos, a avaliação da biocompatibilidade, dos mecanismos moleculares e dos efeitos farmacológicos em modelos in vitro e in vivo, que mimetizam as alterações cutâneas na presença de Dermatite Atópica, ressaltam o potencial farmacoterapêutico e de inovação tecnológica da proposta. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RAMOS CAMPOS, ESTEFANIA VANGELIE; PROENCA, PATRICIA LUIZA DE FREITAS; DORETTO-SILVA, LORENA; ANDRADE-OLIVEIRA, VINICIUS; FRACETO, LEONARDO FERNANDES; DE ARAUJO, DANIELE RIBEIRO. Trends in nanoformulations for atopic dermatitis treatment. Expert Opinion on Drug Delivery, AUG 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.