Busca avançada
Ano de início
Entree

Recuperação autonômica da frequência cardíaca após o exercício em adultos saudáveis com diferentes peso ao nascer

Processo: 19/27124-8
Linha de fomento:Auxílio à Pesquisa - Publicações científicas - Artigo
Vigência: 01 de junho de 2020 - 30 de novembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Vitor Engrácia Valenti
Beneficiário:Vitor Engrácia Valenti
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Marília. Marília , SP, Brasil
Assunto(s):Sistema nervoso autônomo  Sistema cardiovascular 

Resumo

O impacto do peso ao nascer (PN) na saúde do adulto tem sido estudado, relacionado ao sistema nervoso autônomo e implicado no risco cardiovascular. Investigamos a recuperação autonômica cardiorrespiratória e da freqüência cardíaca (FC) após esforço moderado em adultos nascidos a termo saudáveis com diferentes RN. Foram estudadas 28 mulheres saudáveis, fisicamente ativas, com idades entre 18 e 30 anos, divididas igualmente em dois grupos, de acordo com o PN: G1 (n = 14), PN entre 2.500 ge 3.200 ge G2 (n = 14), PN> 3.200 g. Os grupos permaneceram sentados em repouso por 15 minutos, seguidos de exercícios aeróbicos em esteira (cinco minutos a 50-55% da FC máxima e 25 minutos 60-65% da FC máxima) e, em seguida, permaneceram sentados por 60 minutos durante a recuperação da exercício. Parâmetros cardiorrespiratórios e variabilidade da FC (VFC) (RMSSD, IC [ms2]) foram avaliados antes e durante a recuperação do exercício. No G1, a FC aumentou de 0 a 20 minutos após o exercício, enquanto no G2 a FC foi maior de 0 a 7 minutos após o exercício. No G1, a VFC de curto prazo aumentou de 5 para 10 minutos após o exercício, mas no G2 se recuperou antes de 5 minutos após o esforço. Concluindo, mulheres nascidas a termo saudáveis com baixo PN normal apresentam recuperação autonômica mais lenta da FC após o exercício. (AU)